DIVERSIDADE NA EDUCAÇÃO BÁSICA: POLÍTICAS DE SENTIDO SOBRE A FORMAÇÃO DOCENTE

Autores

  • Jane Adriana Vasconcelos Pacheco Rios Universidade do Estado da Bahia -UNEB
  • Joana Maria Leôncio Nuñez Universidade do Estado da Bahia -UNEB
  • Osvaldo Francisco Ribas Lobos Fernandez Universidade do Estado da Bahia - UNEB

DOI:

https://doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2016.v25.n45.p101-112

Palavras-chave:

Diversidade, Educação básica, PIBID, Formação docente

Resumo

O texto apresenta algumas notas teórico-metodológicas sobre diversidade na Educação básica através da investigação acerca de práticas educativas desenvolvidas pelo Programa Interinstitucional de Bolsas de Iniciação à docência – PIBID. Entendemos a diversidade como uma construção política, histórica e cultural das diferenças no espaço
escolar que se materializa nos processos de vida-formação dos sujeitos envolvidos.
Neste trabalho buscamos novos modos de produzir a docência no cotidiano escolar a partir da construção de dispositivos pedagógicos que tomam o tripé diversidade/diferença/direitos humanos como elemento fundador da ação docente. Para este estudo, utilizamos a pesquisa-formação, organizada a partir de três etapas: Pesquisa Exploratório-etnográfica, oficinas formativas e elaboração de memorial de Formação.
Os resultados deste trabalho apontam para outras políticas de sentido construídas sobre/na formação docente a partir da (re) politização que a diversidade produz sobre as práticas educativas fundamentadas numa perspectiva intercultural a partir do encontro com a pedagogia das diferenças na escola.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jane Adriana Vasconcelos Pacheco Rios, Universidade do Estado da Bahia -UNEB

Doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Pós-Doutora em Educação pela Universidade de São
Paulo (USP). Professora Titular da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Professora Pesquisadora dos Programas de
Pós-Graduação em Educação e Contemporaneidade (PPGEDUC/UNEB) e Educação e Diversidade (PPED/UNEB). Líder do Grupo de Pesquisa Docência, Narrativas e Diversidade (DIVERSO/UNEB).

Joana Maria Leôncio Nuñez, Universidade do Estado da Bahia -UNEB

Mestre em Educação pela Universidad Autónoma de Asuncón (UAA). Professora Auxiliar da Universidade do Estado da
Bahia (UNEB). Pesquisadora do Grupo de Pesquisa Diadorim – Núcleo de Estudos de Gênero e Sexualidade e do grupo
Anthropologicus (UNEB). Membro do Grupo de Pesquisa Candaces (UNEB).

Osvaldo Francisco Ribas Lobos Fernandez, Universidade do Estado da Bahia - UNEB

Doutor em Ciências Sociais pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Pós-Doutor em Antropologia Urbana pela Columbia University of the New York City (EUA). Professor Titular do departamento de Educação da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Membro do Grupo de Pesquisa Diadorim – Centro de Estudos de Gênero e Sexualidade e do grupo Anthropologicus (UNEB). Pesquisador do grupo de pesquisa Candaces (UNEB) e do Grupo Interdisciplinar de Estudos sobre Substâncias Psicoativas (GIESP/UFBA)

Referências

ANDRÉ, Marli Eliza D. A. de. Etnografia da prática escolar. 7. ed. Campinas, SP: Papirus, 2003.

CANDAU, Vera Maria (Org.). Didática crítica intercultural: aproximações. Petrópolis, RJ: Vozes, 2012.

CANEN, Ana; MOREIRA, Antônio Flávio Barbosa. Reflexões sobre o multiculturalismo na escola e na formação docente. In: ______ (Org.). Ênfase e omissões no currículo. Campinas: Papirus, 2001. p. 15-43.

FLEURI, Reinaldo Matias. Multiculturalismo e interculturalismo nos processos educativos. In: CANDAU, Vera Maria (Org.). Ensinar e aprender: sujeitos, saberes e pesquisa. Rio de Janeiro: DP&A, 2000. p. 67-81.

GEERTZ, Clifford. Os usos da diversidade. In: ______. Novas luzes sobre a Antropologia. Rio de Janeiro: Zahar, 2001. p. 68-85.

GOMES, Nilma Lino. Relações étnico-raciais, educação e descolonização dos currículos. Revista Currículo sem Fronteiras, v. 12, n. 1, p. 98-109, jan./abr. 2012.

JUNQUEIRA, Rogério Diniz, Homofobia nas escolas: um problema de todos. In: ______ (Org.). Diversidade sexual na educação: problematizações sobre a homofobia nas escolas. Brasília, DF: MEC/Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade/UNESCO, 2009. p. 13-52.

LÉVI-STRAUSS, Claude. Raça e História. Antropologia Estrutural II. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1976.

LOURO, Guacira Lopes. Pedagogia da sexualidade. In: ______ (Org.). O corpo educado: pedagogias da sexualidade. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2000. p. 7-34.

MOITA LOPES, Luiz Paulo. Sexualidades em sala de aula: discurso, desejo e teoria queer. In: MOREIRA, Antônio Flávio; CANDAU, Vera Maria (Org.). Multiculturalismo: diferenças culturais e práticas pedagógicas. 10. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2013. p. 125-148.

RIOS, Jane Adriana Vasconcelos Pacheco. Ser e não ser da roça, eis a questão! Identidades e discursos na escola. Salvador: EDUFBA, 2011.

SILVA, Tomaz Tadeu da (Org.). Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis, RJ: Vozes, 2000.

SOUZA, Maria Izabel Porto de; FLEURI, Reinaldo Matias. Entre limites e limiares de culturas: educação na perspectiva intercultural. In: FLEURI, Reinado Matias (Org.). Educação intercultural: mediações necessárias. Rio de Janeiro: DP&A, 2003. p. 53-84.

Como Citar

RIOS, J. A. V. P.; NUÑEZ, J. M. L.; FERNANDEZ, O. F. R. L. DIVERSIDADE NA EDUCAÇÃO BÁSICA: POLÍTICAS DE SENTIDO SOBRE A FORMAÇÃO DOCENTE. Revista da FAEEBA - Educação e Contemporaneidade, [S. l.], v. 25, n. 45, p. 101–112, 2016. DOI: 10.21879/faeeba2358-0194.2016.v25.n45.p101-112. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/faeeba/article/view/2288. Acesso em: 23 maio. 2024.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)