MESTRADOS PROFISSIONAIS EDUCAÇÃO: Políticas de implantação e desafios às perspectivas metodológicas

  • Tânia Maria Hetkowski Universidade do Estado da Bahia
Palavras-chave: Mestrado Profissional

Resumo

Segundo o Parecer CNE/CES 0079/2002, o Mestrado Profissional é a designação do Mestrado que enfatiza estudos voltados a qualificação dos profissionais - neste caso do profissional da educação - conferindo-lhe idênticos grau e prerrogativas, inclusive para o exercício da docência e; como programa stricto sensu o diploma tem sua validade condicionada ao reconhecimento prévio do curso. Diante desta normativa, a área de Educação foi instigada a refletir sobre as possibilidades da implantação de Mestrados Profissionais como nova modalidade de formação e, esta provocação, mobilizou pesquisadores a compreender os “lugares” desta propositiva nos espaços acadêmicos. Assim, este artigo objetiva abordar sobre a normatização e legitimação dos Mestrados Profissionais (MP) no Brasil, bem como os desafios enfrentados à criação e efetivação dos Mestrados Profissionais na área da Educação (MPE). O texto, inicialmente, mostra a importância do Parecer CFE nº 977/65 de 03/12/1965, como marco referencial para a criação e consolidação da Pós-Graduação no Brasil às Portarias (nº 47 de 17 de outubro de 1995, nº 80, de 16 de dezembro de 1998, nº 7, de 22 de Junho de 2009 e, nº 17, De 28 de Dezembro de 2009), as quais esclarecem sobre implantação de MPs em todas as áreas de atuação. Também ilustraremos o cenário dos MPE, com início em 2009, através da proposta apresentada pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), seguida pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e, neste ano de 2016 totalizam 38 Programas distribuídos nas cinco regiões. Ainda neste escrito, sucintamente, refletimos acerca dos pressupostos metodológicos da Pesquisa Aplicada, os quais, no nosso entendimento, primeiro, se propõem deixar “legados” nos espaços educacionais como resultados de propositivas coletivas, elaboradas através de experiências, vivências, reflexões e ações, potenciais, entre os profissionais da educação das Universidades e de outros espaços escolares, em especial as escolas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tânia Maria Hetkowski, Universidade do Estado da Bahia
Pós-Doutorado em Informática na Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Doutorado em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação e Contemporaneidade (PPGEduC), Coordenadora e Professora do Mestrado Profissional Gestão e Tecnologias aplicadas a educação (GESTEC), ambos da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Líder do Grupo de Pesquisa Geotecnologias, Educação e Contemporaneidade (GEOTEC).
Publicado
2018-08-22
Métricas
  • Visualizações do Artigo 918
  • PDF downloads: 842
Como Citar
Hetkowski, T. M. (2018). MESTRADOS PROFISSIONAIS EDUCAÇÃO: Políticas de implantação e desafios às perspectivas metodológicas. Plurais Revista Multidisciplinar, 1(1). https://doi.org/10.29378/plurais.2447-9373.2016.v1.n1.%p