HISTÓRIAS DE VIDA DE ALUNOS INSERIDOS NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS EM UMA ESCOLA DE CARIACICA, ESPÍRITO SANTO

Michell Pedruzzi Mendes Araújo, Anna Paula Becigo, Sabrina da Silva Machado Trento

Resumo


Este artigo expõe as vivências de alunos inseridos na Educação de Jovens e Adultos (EJA) e nos convida a direcionar nosso olhar sobre quem são os sujeitos que compõem essa modalidade de ensino. De natureza qualitativa, teve por metodologia de pesquisa a história de vida, que tem por finalidade relatar a vida, imersa em uma perspectiva sócio-histórica, por meio da qual se possibilita a compreensão do ser humano como um ser biológico, social e cultural. Como aporte teórico, apoiamo-nos em na pedagogia crítica de Paulo Freire, tendo em vista a sua abordagem epistemológica acerca da alfabetização dos Jovens e Adultos. Objetivou compreender as histórias de vida de alunos inseridos na Educação de Jovens e Adultos. Para coleta dos dados, fizemos o uso da entrevista biográfica, que foi adequada à realidade de cada indivíduo. Como tecitura produzida a partir desse estudo com os alunos da EJA, destaca-se a necessidade de ouvir e reconhecê-los como sujeitos e protagonistas de seu processo de aprendizagem, para que as práticas pedagógicas na escola sejam (re)pensadas a partir das subjetividades e anseios que são expressos neste processo de contar a sua própria história de vida.


Palavras-chave


História de vida. Educação de Jovens e Adultos. Aprendizagem. Práticas pedagógicas.

Texto completo:

PDF ♪Áudio♪

Referências


ARANHA, M. L. A. História da Educação. 2 Ed. São Paulo: Moderna, 1996.

ARAÚJO, M. P. M. Para além do biológico, o sujeito com a Síndrome de Klinefelter. 2014. Dissertação (Mestrado em Educação) - Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2014.

BRAGA, E, S. A constituição social do desenvolvimento. In: Revista Educação. História da Pedagogia 2. São Paulo: Editora Segmento, 2010.

BRASIL. CONSTITUIÇÃO 1988. CONSTITUIÇÃO [DA] REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL. BRASÍLIA: SENADO FEDERAL, 1988.

BRASIL. Documento Base Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos. Brasília: [S.n.], 2007.

BRASIL. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA. Proposta curricular - 2º seguimento da Educação para jovens e adultos. Ensino fundamental. Brasília, 2002.

CUNHA, Maria da Conceição. Introdução: discutindo conceitos básicos. In: Salto para o futuro - Educação de Jovens e Adultos. Secretaria de Educação a Distância. Ministério da Educação. Brasília, SEED, 1999. p. 9-18.

D’AMBRÓSIO, Ubiratan. Etnomatemática - Elo entre as tradições e a Modernidade. São Paulo: Ática, 2001.

DRAGO, R. Síndromes: conhecer, planejar e incluir. Rio de Janeiro: Wak Editora, 2012.

FERRARI, S. C. O aluno de EJA: jovem ou adolescente? 2011. Disponível em: http://www.cereja.org.br/pdf/revista_v/Revista_ShirleyCostaFerra.pdf. Acesso em 11/11/2001.

FONSECA, Maria da Conceição. Educação Matemática de Jovens e Adultos. In: SOARES, Leôncio (Org). Diálogos na Educação de Jovens e Adultos. Belo Horizonte, Autêntica, 2006.

FORTUNATO I. Educação de jovens e adultos. REU. Sorocaba: São Paulo, v. 36, n. 3. P. 281-283, dez 2010.

FREIRE, P. A educação como prática da liberdade. 23ª Ed.. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1999.

FREIRE, P. A importância do ato de ler: em três artigos que se completam, 42ª ed. São Paulo: Cortez, 2001.

FREIRE, P. Ação cultural para a liberdade. 8 ed. Rio de Janeiro: Paz Terra. 1982.

FREIRE, P. A educação na cidade. São Paulo: Cortez, 1991.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: Saberes necessários à prática educativa. 27ª ed. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

FREITAS, M. T. A. A abordagem sócio-histórica como orientadora da pesquisa qualitativa. Cadernos de Pesquisa, Fundação Carlos Chagas, n. 116, jul. 2002.

GALVÃO, Ana Maria de Oliveira; SOARES, Leôncio José Gomes. História da alfabetização de adultos no Brasil. In: ALBUQUERQUE, E. B.; LEAL, T.F. A alfabetização de jovens e adultos: em uma perspectiva de letramento. Belo Horizonte: Autêntica, 2004.

IMBERNÒN, Francisco. Formação docente e profissional formar-se para a mudança e a incerteza/ Francisco Imbernón. -5. Ed.-São Paulo, Cortez, 2005. -(Coleção Questões da Nossa Época; v. 77).

MOLL, J. Educação de Jovens e Adultos. In: Jaqueline Moll, (org.). Projetos e Práticas Pedagógicas. Sita Maria Lopes Sant’Anna… [et. al.]- Porto Alegre: mediação, 2004. 144 p.

OLIVEIRA, M. C. Metamorfose na construção do alfabetizando pessoa. Dissertação de Mestrado, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre-RS, 1996.

OLIVEIRA, Marta Kohl. Jovens e Adultos como sujeitos de conhecimento e aprendizagem. In: RIBEIRO, Vera Masagão (Org.). Educação de jovens e adultos: novos leitores, novas

leituras. Campinas: Mercado de Letras; São Paulo: Ação Educativa, 2001.

SANTOS, C. R. dos; PINHEIRO, T. H. S. Currículo integrado e interdisciplinaridade no Projovem Urbano: Contribuições à luz de Deleuze, Guattari e Gallo. Conhec. Dest., Serra, ES, v. 01, n. 02, jul./dez. 2012.

SILVA, A. P.; BARROS, C. R.; NOGUEIRA, M. L. M.; BARROS, V. A. “Conte-me sua história”: reflexões sobre o método de História de Vida. Revista do Centro Acadêmico de Psicologia da FAFICH/UFMG, Belo Horizonte, v. 1, n. 1, p. 25-35, 2007.

SOLIGO, R. Dez questões a considerar. Disponível em:. Acesso em 15 mai. 2014.

VIGOTSKI, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

WANDERER, Fernanda. Educação de Jovens e Adultos Produtos da Mídia: possibilidades de um processo pedagógico etnomatemático. São Leopoldo: Unisinos, 2001 (Dissertação de Mestrado), Faculdade de Educação, Universidade do Vale do Rio dos Sinos, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Incluir comentário

Direitos autorais 2018 Cenas Educacionais

CONTATO

 Programa de Pós-graduação em Ensino, Linguagem e Sociedade, Departamento de Ciências Humanas, Campus VI da Universidade do Estado da Bahia

Endereço: Avenida Contorno, S/N, Bairro São José, Caetité, Bahia, Brasil

CEP: 46.400-000

Telefones: (77) 3454-2021 ou (77) 9 9134-3435

e-mail: ceduuneb@gmail.com

ISSN: 2595-4881

REDES SOCIAIS:

 

INDEXAÇÕES INTERNACIONAIS:

                            

INDEXAÇÕES NACIONAIS:

     

REVISTA INTEGRANTE:

    

LINKS DE INTERESSE:

                     

Licença:


Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Free counters!