RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE ESTÁGIO BÁSICO EM PSICOLOGIA SOCIAL NO MODELO DE ENSINO REMOTO EMERGENCIAL

Palavras-chave: Educação a Distância, Relatos de Casos, Psicologia Social, Estágio

Resumo

Este artigo tem por objetivo apresentar reflexões através de um relato de experiência sobre a condução da disciplina de Estágio Básico em Psicologia Social em uma instituição de ensino superior, durante o período de ensino remoto emergencial devido à pandemia da COVID-19, tendo como discentes estudantes de psicologia majoritariamente no quarto período do curso. O estágio se refere à prática do psicólogo social no contexto de acolhimento institucional. No processo pedagógico, foram priorizados recursos presentes na prática profissional, como relatórios e documentos jurídicos e socioassistenciais e realização de estudos de casos reais. Diante das limitações, a estratégia foi avaliada de modo positivo, embora os estudantes demandem explicitamente práticas presenciais. Aponta-se para a necessidade de realizar o planejamento acadêmico considerando as especificidades da Educação a Distância, não reproduzindo exatamente a lógica do ensino presencial. Sugere-se maiores estudos sobre o tema, já que o campo relatado é recente e, possivelmente, sofrerá alterações permanentes mesmo após a pandemia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Pablo Mateus dos Santos Jacinto, Doutorando em Psicologia pela Universidade Federal da Bahia - Brasil

Mestre em Psicologia pela Universidade Federal da Bahia. Docente no Centro Universitário Unijorge. Integrante do Núcleo de Estudos sobre Desenvolvimento e Contexto Culturais.

Referências

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação Superior. Resolução CNE N° 5/2011. fixa as Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de graduação em Psicologia. Brasília, 2011.

BRASIL. Ministério da Educação. Portaria Nº 2.117, de 6 de dezembro de 2019. Dispõe sobre a oferta de carga horária na modalidade de Ensino a Distância - EaD em cursos de graduação presenciais ofertados por Instituições de Educação Superior - IES pertencentes ao Sistema Federal de Ensino. Brasília: DF, 2019.

BRASIL. Ministério da Educação. Parecer CNE/CP nº 5/2020. Reorganização do Calendário Escolar e da possibilidade de cômputo de atividades não presenciais para fins de cumprimento da carga horária mínima anual, em razão da Pandemia da COVID-19. Brasília, 2020.

CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA. Ano da formação em psicologia: revisão das diretrizes curriculares nacionais para os cursos de graduação em psicologia. Conselho Federal de Psicologia, Associação Brasileira de Ensino de Psicologia e Federação Nacional dos Psicólogos. – São Paulo: Conselho Federal de Psicologia/Associação Brasileira de Ensino de Psicologia, 2018a.

CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA. Demandas do sistema de justiça às (aos) profissionais de psicologia lotados nas políticas públicas de saúde e de assistência social. Brasília, 2016. Disponível em: https://site.cfp.org.br/wp-content/uploads/2016/12/Documento-Base-Demandas-do-Sistema-de-Justi%C3%A7a_dez2016.pdf. Acesso em: 25 nov. 2020.

CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA. Nota sobre atividades acadêmicas nos cursos de graduação em Psicologia em tempos de pandemia. Brasília, 2020a. Disponível em: https://site.cfp.org.br/wp-content/uploads/2020/03/Nota-sobre-atividades-acad%C3%AAmicas-nos-cursos-de-gradua%C3%A7%C3%A3o-em-Psicologia-em-tempos-de-pandemia-Atualizada-1.pdf. Acesso em: 25 nov. 2020.

CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA. Práticas e estágios remotos em psicologia no contexto da pandemia da covid-19: recomendações. Brasília, 2020b. Disponível em: https://site.cfp.org.br/wp-content/uploads/2020/08/Caderno-de-orientac%CC%A7o%CC%83es-formac%CC%A7a%CC%83o-e-esta%CC%81gios_FINAL2_com_ISBN_FC.pdf. Acesso em: 15 nov. 2020.

CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA. Resolução CFP Nº 06/2019. Orientações sobre elaboração de documentos escritos produzidos pela(o) psicóloga(o) no exercício profissional. Brasília, 2019.

CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA. Resolução CFP Nº 11/2018. Regulamenta a prestação de serviços psicológicos realizados por meios de tecnologias da informação e da comunicação e revoga a Resolução CFP N.º 11/2012. Brasília: DF, 2018b.

JACINTO, P. M. S. Adolescências e acolhimento institucional: a construção de narrativa de identidade diante da possibilidade de desligamento compulsório por maioridade. 2019.150f. Mestrado – Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2019.

JACINTO, P. M. S.; JESUS, R. A.; DAZZANI, M. V. M. Reformulando concepções de infância, pobreza e assistência social: experiência extensionista em uma instituição de acolhimento. IN: ROCHA, R.; TOLOY, D.; SAMPAIO, W. Psicologia, Sociedade e Desigualdade Social: Boas Práticas na Formação em Psicologia. Editora Devires: Bahia. No prelo.

JACINTO, P. M. S.; REIS, A. L. P. P. Educação a distância e ensino de psicologia: impasses e possibilidades na perspectiva de psicólogas(os) e estudantes. EmRede - Revista de Educação a Distância, v. 7, n. 1, p. 108-125, 15 maio 2020.

MERCADO, L. P. L.; SILVA, A. M.; GRACINDO, B. R. H. Utilização didática de objetos digitais de aprendizagem na educação on-line. EccoS Revista Científica, V. 10, n.1, pp.105-123, 2008. [Consultado: 17 de Noviembre de 2020]. ISSN: 1517-1949. Disponível em: https://www.redalyc.org/articulo.oa?id=715/71510106. Acesso em: 25 nov. 2020.

NEGA. Direção: Fernando Martinez. Fotografia: Martinez Arte Fotográfica. Produção: Martinez Arte Fotográfica e Trevisan Assessoria e Consultoria. Roteiro/Edição: Simone Duran e Fernando Martinez. Obra do projeto Prudente: construindo a igualdade de gênero. Presidente Prudente/SP, publicado em 16 de setembro de 2014. Documentário, 39’18”. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=AEk1_NUrPXY (YouTube). Acesso em: 02 set. 2020.

ROSA, G. A. M.; SANTOS, B. R. Repercussões das redes sociais na subjetividade de usuários: uma revisão crítica da literatura. Temas psicol., Ribeirão Preto , v. 23, n. 4, p. 913-927, dez. 2015. Disponível em http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-389X2015000400010&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 29 nov. 2020. http://dx.doi.org/10.9788/TP2015.4-09.

SILVA NETO, W. M. F.; OLIVEIRA, W. A.; GUZZO, R. S. L. Discutindo a formação em Psicologia: a atividade de supervisão e suas diversidades. Psicol. Esc. Educ., Maringá, v. 21, n. 3, p. 573-582, Dec. 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-85572017000300573&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 16 nov. 2020. https://doi.org/10.1590/2175-353920170213111111.

WEI, W.; WANG, J.; XUANYI, C.; YANG, J.; XIAOWEI, M. Psychological contract model for knowledge collaboration in virtual community of practice: An analysis based on the game theory, Applied Mathematics and Computation, v. 329, 2018.

Publicado
2021-03-14
Métricas
  • Visualizações do Artigo 1265
  • ♪Áudio♪ downloads: 9
Como Citar
Jacinto, P. M. dos S. (2021). RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE ESTÁGIO BÁSICO EM PSICOLOGIA SOCIAL NO MODELO DE ENSINO REMOTO EMERGENCIAL. Cenas Educacionais, 4, e10167. Recuperado de https://revistas.uneb.br/index.php/cenaseducacionais/article/view/10167
Seção
Dossiê Temático - TECNOLOGIAS NO CONTEXTO EDUCATIVO