Três vias introdutórias à Ontologia Orientada a Objetos de Graham Harman

Autores

  • Otávio Souza e Rocha Dias Maciel Universidade do Distrito Federal

Palavras-chave:

Realismo Especulativo, Ontologia Orientada a Objetos, Graham Harman

Resumo

Este breve ensaio tem um caráter propedêutico de fazer uma apresentação sobre a Ontologia Orientada a Objetos (OOO), uma das correntes teóricas associadas ao realismo especulativo, esta, organizada por Graham Harman e seus aliados. No entanto, a proposta será um pouco oblíqua, de construir caminhos para a OOO que não apenas os já conhecidos. Começaremos abordando o que tem sido feito sob o tema “filosofia dos objetos” como uma caracterização bastante genérica. Em seguida, veremos o estado da filosofia contemporânea no que tange as ondas e escolas associadas ao Realismo Especulativo, movimento do qual o professor Harman é um dos quatro originais defensores. Com isso, veremos três avenidas que podem levar o público em direção a uma familiaridade maior com as intuições em torno da OOO: a primeira, pela filosofia alemã entre Leibniz, Husserl e Heidegger; a segunda, pela filosofia grega clássica de Sócrates, Platão e Aristóteles; e a terceira a partir do pensamento processual de Whitehead e Latour. Por fim, apresentaremos algumas obras do professor Harman para mostrar como sua OOO tem sido desenvolvida ao longo dos anos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Otávio Souza e Rocha Dias Maciel, Universidade do Distrito Federal

Doutor em Filosofia pela linha “Epistemologia, Lógica e Metafísica” do PPGFIL/UnB. Mestre em Teoria do Direito e Direito Global pela European Academy of Legal Theory (Goethe-Frankfurt/ULB-Bruxelas). Bacharel em Filosofia e em Direito, ambos pela UnB. Professor de Filosofia na Universidade do Distrito Federal (UnDF) e Pesquisador Colaborador do PPGFIL/UnB. Fundador e coordenador do grupo de pesquisa Assemblagem – Conexões Filosóficas e membro do GT de Ontologias Contemporâneas (ANPOF).

Referências

BADIOU, Alain. O Ser e o Evento. Rio de Janeiro: Zahar, 2002.

BENSUSAN, Hilan & FREITAS, Jadson Alves de. A Diáspora da Agência: ensaio sobre o horizonte das monadologias. Salvador: EDUFBA, 2018.

BOGOST, Ian. Alien Phenomenology, or What It’s Like to Be a Thing. Minneapolis: The University of Minnesota Press, 2012.

DELANDA, Manuel. Intensive Science and Virtual Philosophy. London: Bloomsbury, 2013.

FREITAS, Jadson Alves de. As vertigens da granularidade: as insuficiências de Harman, de Simondon e o caráter situado da individuação. Tese (Doutorado em Filosofia) – Programa de Pós-Graduação em Filosofia, Universidade de Brasília: Brasília, 2022. Disponível no Repositório da BCE/UnB: https://repositorio.unb.br/handle/10482/43977

HARMAN, Graham. O Objeto Quádruplo: uma metafísica das coisas depois de Heidegger. Trad. Thiago Pinho, rev. Phillip Villani e Otávio Maciel. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2023.

HARMAN, Graham. “Whitehead e as Escolas X, Y e Z”, trad. Otávio S.R.D. Maciel in. Anãnsi: Revista de Filosofia, [S. l.], v. 3, n. 1, p. 228–245, 2022. Disponível em: https://www.revistas.uneb.br/index.php/anansi/article/view/14856. Acesso em 23 de maio de 2023.

HARMAN, Graham. Object-Oriented Ontology: A New Theory of Everything. London: Pelican Books, 2018.

HARMAN, Graham. Immaterialism: Objects and Social Theory. Cambridge: Polity Press, 2016.

HARMAN, Graham. Bruno Latour – Reassembling the Political. London: Pluto Press, 2014.

HARMAN, Graham. “Undermining, Overmining, and Duomining: A Critique,” in SUTELA, J. (ed.), Add Metaphysics. Aalto, Finland: Aalto University Design Research Laboratory, 2013.

HARMAN, Graham. Weird Realism: Lovecraft and Philosophy. Alresford, UK: Zero Books, 2012

HARMAN, Graham. Prince of Networks: Bruno Latour and Metaphysics. Melbourne: re.press, 2009.

HARMAN, Graham. Heidegger Explained – From Phenomenon to Things. Chicago: Open Court, 2007.

HARMAN, Graham. Tool-Being: Heidegger and the Metaphysics of Objects. Chicago: Open Court, 2002.

HARTMANN, Nicolai. Ontology: Laying the Foundations. Transl. by Keith R. Peterson. Boston: De Gruyter, 2019

HARTMANN, Nicolai. New Ways of Ontology. Westport: Greenwood Press, 1953.

HARTMANN, Nicolai. Grundzüge einer Metaphysik der Erkenntnis. Berlin: De Gruyter, 1949.

KANT, Immanuel. Crítica da Razão Pura. Petrópolis: Vozes, 2015.

LATOUR, Bruno. Investigação sobre os Modos de Existência: Uma Antropologia dos Modernos. Petrópolis: Vozes, 2019.

LATOUR, Bruno. Jamais Fomos Modernos. Rio de Janeiro: Editora 34, 2013.

LATOUR, Bruno. Reagregando o Social: uma introdução à Teoria do Ator-Rede. Salvador, Bauru: EUFBA & EDUSC, 2012.

MACIEL, Otávio S.R.D. “Uma defesa do princípio ontológico: Whitehead e a ontologia orientada a objetos”, trad. Rafaela Silva Borges in. Anãnsi: Revista de Filosofia, [S. l.], v. 3, n. 1, p. 246–280, 2022. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/anansi/article/view/14855. Acesso em: 23 de junho de 2023.

MACIEL, Otávio S.R.D. Primeiro Esboço de um Tratado de Metametafísica: Introdução ao Realismo Complexo. Tese (Doutorado em Filosofia) – Programa de Pós-Graduação em Filosofia, Universidade de Brasília: Brasília, 2021a. Disponível no Repositório da BCE/UnB: https://repositorio.unb.br/handle/10482/41938

MACIEL, Otávio S.R.D. The Complexity of Realism and the Indexicalist Approach: Limits and Prospects. Cosmos and History: The Journal of Natural and Social Philosophy, [S. l.], v. 17, n. 2, p. 215–256, 2021b. Disponível em: https://cosmosandhistory.org/index.php/journal/article/view/979. Acesso em: 23 de junho. 2021b.

MACIEL, Otávio S.R.D. Razão e Experiência: Uma introdução metafilosófica ao pensamento especulativo de Alfred N. Whitehead. Das Questões, [S. l.], v. 7, n. 2, 2021c. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/dasquestoes/article/view/24778. Acesso em: 23 jun. 2023.

MACIEL, Otávio S. R. D. ‘Ensaio introdutório à filosofia de Nicolai Hartmann’ in. Anãnsi: Revista de Filosofia, v. 1, n. 2, p. 131-158, 30 dez. 2020a.

MACIEL, Otávio S.R.D. O Esquema Categorial da Filosofia do Organismo de Alfred N. Whitehead. Resumo e notas de aula publicados no Academia.edu. Brasília, 2020b.

MACIEL, Otávio S.R.D. ‘Correlacionismo revisitado: Uma leitura heterodoxa a partir de Quentin Meillassoux’ in. VALDERIO, Francisco et.al. (org.). Ceticismo, dialética e filosofia contemporânea, Coleção ANPOF 2019. São Paulo: ANPOF, 2019.

MACIEL, O. S.; PINHO, T. A. In memoriam ‘Latour, uma homenagem’ in. Anãnsi: Revista de Filosofia, [S. l.], v. 3, n. 2, p. 378–387, 2022. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/anansi/article/view/16192. Acesso em: 26 jun. 2023.

MEILLASSOUX, Quentin. “O Tempo sem o Tornar-se” in. Anãnsi: Revista de Filosofia, Salvador, v. 1, n. 1, 2020.

MEILLASSOUX, Quentin. Após a Finitude: Ensaio sobre a Necessidade da Contingência, trad. Lucas Lazzaretti. Rio de Janeiro: 7Letras, 2022.

MOORE, George Edward. “Uma defesa do senso comum” in. Os Pensadores. São Paulo: Abril Cultural, 1980.

SPARROW, Tom. On the Horrors of Realism: an interview with Graham Harman. Pli 19, 2008, pp. 218-239.

WHITEHEAD, Alfred N. O Conceito de Natureza. São Paulo: Martins Fontes, 1994.

WHITEHEAD, Alfred N. Process and Reality – an essay in cosmology. New York: The Free Press, 1978.

Downloads

Publicado

2023-08-15

Como Citar

MACIEL, O. S. e R. D. Três vias introdutórias à Ontologia Orientada a Objetos de Graham Harman. Anãnsi: Revista de Filosofia, [S. l.], v. 4, n. 1, p. 144–173, 2023. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/anansi/article/view/18304. Acesso em: 22 fev. 2024.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)