O Conceito Megárico e Aristotélico de Possibilidade

Uma contribuição para a história do problema ontológico das modalidades

Autores

Resumo

Neste artigo o filósofo alemão Nicolai Hartmann (1882-1950) passa detalhadamente pelo embate na antiguidade helenista acerca das modalidades da lógica. A mais conhecida no mundo ocidental é a versão de Aristóteles, centrada na diferença entre ato e potência. Esta versão foi amplamente discutida e aplicada pela Escolástica cristã na Europa, e informou vários desenvolvimentos e rejeições modernas ao aristotelismo. No entanto, Hartmann recupera uma velha lógica contemporânea ao próprio Aristóteles e que a ele se opunha: a Escola dos Megáricos, fundada por Euclides de Mégara, antigo discípulo de Sócrates. A aparente equivalência entre ato e potência – ou melhor, atualidade e potencialidade – chegou a ser muito bem desenvolvida pelos rivais das escolas aristotélicas, especialmente por Diodoro Crono e pelos estoicos gregos. No entanto, longe de ser uma mera equivalência, Hartmann recupera e desenvolve este par categorial em direções muito interessantes para ontologia contemporânea e para a lógica modal das últimas décadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Otávio Souza e Rocha Dias Maciel, Universidade de Brasilia

Mestre em Teoria do Direito e Direito Global pela European Academy of Legal Theory (Frankfurt-Alemanha) e Doutorando em Filosofia pela Universidade de Brasília na linha de Lógica, Metafísica e Epistemologia. Tem experiência em Filosofia, com ênfase em Metametafísica, Realismo Especulativo do Século XXI, Teoria dos Sistemas, Filosofia do Processo, Teoria do Ator-Rede e Filosofia Latino-americana.

Downloads

Publicado

2022-12-30

Como Citar

HARTMANN, N.; PAIVA, E.; MACIEL, O. S. e R. D. O Conceito Megárico e Aristotélico de Possibilidade: Uma contribuição para a história do problema ontológico das modalidades. Anãnsi: Revista de Filosofia, [S. l.], v. 3, n. 2, p. 353–373, 2022. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/anansi/article/view/15588. Acesso em: 5 jun. 2023.