Educação popular e pedagogia social

diálogo singular e experiência plural

Autores

  • Augusto Cesar Rios Leiro Universidade do Estado da Bahia (UNEB).
  • Cândida Andrade de Moraes Secretaria Municipal de Educação de Salvador
  • Vanessa Ribeiro dos Santos Universidade do Estado da Bahia

DOI:

https://doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2015.v24.n43.p175-182

Palavras-chave:

Educação popular. Pedagogia social. Práticas pedagógicas. abstract

Resumo

Considerando o contexto contemporâneo brasileiro, propício a diferentes e novas
práticas de educação social, este artigo busca refletir sobre a relevância histórica e política da educação popular e seu entrecruzamento teórico com a pedagogia social.
Neste sentido, são apresentadas singularidades da educação socialmente referenciada, tomando duas experiências investigativas de abordagem qualitativa como inspiração.
O estudo de caso na perspectiva contrastiva presidiu a metodologia das experiências em tela e a análise de conteúdo, a partir das entrevistas com educadores sociais, constituiu-se em fonte empírica privilegiada. A pedagogia social é abordada como um constructo teórico e como categoria substantiva no campo da educação. A influência da educação popular nas práticas produzidas nos contextos da pedagogia social evidenciam uma estreita relação e favorecem o reconhecimento do legado freireano; as relações entre educadores e educandos; a construção de práxis educativas implicadas às comunidades; a formação continuada comprometida com a emancipação dos sujeitos e a superação das desigualdades sociais. A presente escrita edifica uma nova
síntese dos estudos desenvolvidos, em que a educação popular e a pedagogia social promovem experiências formativas significativas, no âmbito da educação social, e expressa o relevo desse campo de estudo como dimensão fundante de uma educação que acolhe os sujeitos na sua diferença.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Augusto Cesar Rios Leiro, Universidade do Estado da Bahia (UNEB).

Doutor em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professor do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e do Programa de Pós-Graduação em Educação e Contemporaneidade da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Líder dos Grupos de Pesquisa Formação do Educador, Comunicação e Memória (FECOM/UNEB) e Mídia/memória, Educação e Lazer (MEL/UFBA).

Cândida Andrade de Moraes, Secretaria Municipal de Educação de Salvador

Doutoranda em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Mestra em Educação e Contemporaneidade pela Universidade do Estado da Bahia (PPGEDUC/UNEB). Pesquisadora do Grupo de Pesquisa Formação do Educador, Comunicação
e Memória (MEL/UFBA). Coordenadora Pedagógica da Secretaria Municipal de Educação de Salvador.

Vanessa Ribeiro dos Santos, Universidade do Estado da Bahia

Mestra em Educação e Contemporaneidade pela Universidade do Estado da Bahia (PPGEDUC/UNEB). Membro do Grupo de Pesquisa Formação do Educador, Comunicação e Memória (FECOM/UNEB).

Referências

ARROYO, Miguel G. Outros sujeitos, outras pedagogias. Rio de Janeiro: Vozes, 2012.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. O que é educação popular?São Paulo: Brasiliense, 2007.

CALIMAN, Geraldo. Pedagogia social de rua: entre acolhida e formação. In: SOUZA NETO, J. C.; NASCIMENTO, M. L. (Org.). Infância: violência, instituições e políticas públicas. São Paulo: Expressão e Arte, 2006. p. 167-178.

COSTA, Antonio Carlos Gomes da. Pedagogia da presença: da solidão ao encontro. Belo Horizonte: Modus Faciendi, 2001.

CARO, Sueli Maria Pessagno. Educação social: uma questão de relações. In: SOUZA NETO, J. C.; SILVA, R.;

MOURA, R.. Pedagogia social. São Paulo: Expressão & Arte, 2011. p. 132-139.

FREIRE, Paulo; BETTO, Frei. Essa escola chamada vida. Depoimentos ao repórter Ricardo Kotscho. 4. ed. São Paulo: Ática, 1986. (Série Educação em Ação).

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática docente. São Paulo: Paz e Terra, 2010.

_. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2011.

LEIRO, Augusto C. Educação e mídia esportiva: representações sociais das juventudes. 2004. 293 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2004.

MACHADO, Evelcy. M. Contexto sócio-educacional no estado do Paraná: formação pedagógica e análise do trabalho do pedagogo na área social. 1998. 200 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Filosofia e Ciências

da Educação, Universidade de Santiago de Compostela, Espanha, 1998.

MACHADO RIBAS, Érico. O desenvolvimento da pedagogia social sob a perspectiva comparada: o estágio atual no Brasil e Espanha. 2014. 300 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação da Universidade

de São Paulo, São Paulo, 2014.

MORAES, Cândida Andrade de. Por uma pedagogia social: práticas pedagógicas em escolas para jovens em situação de privação de liberdade. 2011. 123 f. Dissertação (Mestrado em Educação e Contemporaneidade) – Universidade do Estado da Bahia, Salvador, 2011.

NÓVOA, Antonio. Formação de professores e trabalho pedagógico. Lisboa: EDUCA, 2002.

PAIS, José Machado. Culturas juvenis. Lisboa: Imprensa Nacional/Casa da Moeda, 2003. (Coleção Análise Social).

PAIVA, Jacyara Silva de. Compreendendo as vivências e experiências produzidas na educação social de rua:

desvelamentos pertinentes ao educador social de rua. 2011. 243 f. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2011.

SANTOS, Vanessa Ribeiro. O lugar da pedagogia social na formação e práxis de educadores: um estudo de caso. 2015. 145 f. Dissertação (Mestrado em Educação e Contemporaneidade) – Universidade do Estado da Bahia, Salvador, 2015.

SAVIANI, Demerval. Pedagogia histórico-crítica. Primeiras aproximações. 11. ed. São Paulo: Autores Associados, 2011.

SILVA, Roberto da. Os filhos do governo. São Paulo: Ática, 1998.

SOUZA NETO, J. C.; SILVA, R.; MOURA, R. (Org.). Pedagogia social. São Paulo: Expressão & Arte, 2009.

VÁZQUEZ, Adolfo Sánchez. Filosofia da práxis. 2. ed. São Paulo: xpressão Popular, 2011. (Coleção Pensamento Social Latino Americano).

Publicado

2015-06-19

Como Citar

LEIRO, A. C. R.; MORAES, C. A. de; SANTOS, V. R. dos. Educação popular e pedagogia social: diálogo singular e experiência plural. Revista da FAEEBA - Educação e Contemporaneidade, [S. l.], v. 24, n. 43, p. 175–182, 2015. DOI: 10.21879/faeeba2358-0194.2015.v24.n43.p175-182. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/faeeba/article/view/1323. Acesso em: 24 fev. 2024.