POLÍTICA DE MASSIFICAÇÃO DO ESPORTE

Resumo

Neste artigo busca-se entender qual o papel que a política de massificação do esporte nos anos 1970 teve num contexto marcado pelo consenso e pelo consentimento em torno do regime autoritário. Neste período o nacionalismo estava ligado à ideia de construção do futuro. Os espetáculos esportivos deveriam expressar essa vontade de construir e transformar o Brasil para afirmar o espírito nacional desejado pela ditadura. A partir de uma pedagogia moral e do corpo o que está em exercício, no período em questão, é um tipo de poder muito mais voltado à produção de forças. A criação de campanhas de massificação esportiva, ao longo da década de 1970, foi, em certa medida, a expressão da ambição de promover corpos produtivos, úteis e sadios e, ao mesmo tempo, implantar uma nova mentalidade cívica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nailze Pereira de Azevêdo Pazin, Doutora em História pela Universidade Federal de Santa Catarina - Brasil

Docente na rede municipal de ensino de Florianópolis.

Denize Pereira de Azevêdo, Professora na Universidade Estadual de Feira de Santana - Brasil

 Doutora em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Catarina. 

Marroney de Santana Nery, Universidade Estadual de Freira de Santana - Brasil

Licenciando em Educação Física pela Universidade Estadual de Feira de Santana. 

Referências

ARAÚJO, Paulo Cesar. Eu não sou cachorro não. Música popular cafona e ditadura militar. 8. ed. Rio de Janeiro: Record, 2013.

BRACHT, V. Sociologia crítica do esporte: uma contribuição. Vitória: UFES-Universidade Federal do Espírito Santo, 1997.

Brasileiro (Luis Carlos / Lelé), L. P. Os originais do samba exportação (1971) RCA Victor, BSL 1541. Disponível; http://www.discosdobrasil.com.br/discosdobrasil/consulta/detalhe.php?Id_Disco=DI04029. Acesso: 02/06/2014.

COLOMBO, Alfredo. Áreas de lazer e seu papel na comunidade. Revista brasileira de Educação Física, v.4, n.11, p.18, 1972.

CORDEIRO, Janaína Martins. Lembrar o passado, festejar o presente: as comemorações do Sesquicentenário da Independência entre consenso e consentimento, 1972. 333p. Tese (Doutorado em História) - Programa de pós-graduação em História, Universidade Federal Fluminense, Rio de Janeiro, 2012.

CORREA, Arlindo. Esporte e desenvolvimento. Revista brasileira de Educação Física e desportiva, v.3, n.9, p.3, 1970.

COSTA, Lamartine Pereira & TAKAHASHI, Geoge Massao. Fundamentos do Esporte para Todos 1983. Secretaria de Educação Física e Desporto. Livro Técnico, distribuição gratuita aos alunos do ensino superior de Educação Física e outros profissionais interessados no movimento “Esporte para Todos” P.02-03. Janeiro de 1983.

COSTA, Lamartine Pereira (org). Teoria e prática do esporte comunitário e de massa. Palestra edições, Rio de Janeiro, p. 196, 1981.

Jornal do Brasil. Otavio Costa fala sobre a Aerp. 01 de julho de 1970. Primeiro caderno, p, 14.

FICO, Carlos. Reinventando o otimismo: ditadura, propaganda e imaginário social no Brasil. Rio de Janeiro: Editora Fundação Getúlio Vargas, 1997.

FRAGA, Gerson Wasen. Futebol, imprensa e ditadura: das formiguinhas de Geisel à abertura de Telê. Disponível em: Acesso em: 23 jun. 2014.

Manifesto Mundial de Educação Física da Federação Internacional de Educação Física. Revista Brasileira de Educação Física e desportiva. P. 9-17, Ano 4, nº 10, 1971, Tradução do Gen. Jayr Jordão Ramos.

MAIA, Tatyana Amaral. Os Cardeais da Cultura Nacional: O Conselho Federal de Cultura na ditadura civil-militar (1967-1975). Organização da coleção Lia Calabre. São Paulo: Itaú Cultural: Iluminuras, 2012.

MATOS, Heloisa. Governo Médici: discurso oculto na comunicação institucional. II° Encontro Nacional da Rede Alfredo de Carvalho, FENAJ/UFSC- Abril 2004-03-08. Disponível em: http://www.facasper.com.br/pos/libero/libero12/O%20discurso%20pol%EDtico%20oculto%2054-64.pdf

MEDEIROS, Ethel Bauzer. Valor da recreação nos países em desenvolvimento. Revista Brasileira de Educação Física e desportiva. Ano 4, nº 11, p. 14, 1972.

MÉDICI, Ernesto G. Brasil 70. Política e debate. Revista Visão, São Paulo: N. 3, p, 102, 14 de fevereiro de 1970.

MÉDICI, Emílio Garrastazu. Discurso proferido na visita ao 1º Grupamento de Engenharia, em João Pessoa. Paraíba (em 8 4 1970).

MÉDICI, Emílio G. Nova Consciência do Brasil. Presidência da República. Pg. 79. 1970. Disponível: http://www.biblioteca.presidencia.gov.br/ex-presidentes/emilio-medici/mensagens-presidenciais/mensagem-ao-congresso-nacional-de-1970. Acesso: 28/05/2014.

OLIVEIRA, Marcus Aurélio Taborda. O esporte em tempos de exceção: sob a égide da Ditadura (1963-1985). In: PRIORE, Mary et al. (Org.). História do esporte no Brasil: do Império aos dias atuais. São Paulo: UNESP. 2009.

ORTIZ, Renato. A Moderna Tradição Brasileira. Ed. Brasiliense, p, 1988.

RAMOS, Jair Jordão. Panorama mundial da educação física e atividades correlatas. Revista brasileira de educação física e desportiva, v.3, n.9, p.19, 1970.

REIS, José Carlos. As identidades do Brasil: de Calmon a Bonfim. Rio de Janeiro, FGV, p. 34-37, 2006.

ROLLEMBERG, Denise; Quadrat, Samantha Viz (orgs). Apresentação. In: Memória, História e autoritarismo. In: A Construção social dos regimes autoritários. Legitimidade, consenso e consentimento no século XX. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2010.

REZENDE, Maria José. A ditadura militar no Brasil: repressão e pretensão de legitimidade: 1964-1984. Londrina: Eduel, 2013.

Sant’Anna, Denise Bernuzzi. O prazer justificado. História e Lazer. (São Paulo, 1969/1979). Editora Marco Zero, São Paulo, p.66, 1994.

SOUZA, Ovídio Silveira. Munique 72 culpados e inocentes. Revista Brasileira de Educação Física e despotiva. Ano 4, nº 12, 1973.

VIGARELLO, George. Estádios: o espetáculo esportivo das arquibancadas às telas. (Referência incompleta)

VIGARELLO, George. Treinar. In: COURTINE, Jean-Jacques; VIGARELLO, George (Org.). História do Corpo. As mutações do Olhar. O século XX. Tradução e revisão Ephraim Ferreira Alves. Petrópolis: Vozes, 2008. (v.3)

VIGARELLO, George. Estádios: o espetáculo esportivo das arquibancadas às telas. In: COURTINE, Jean-Jacques; VIGARELLO, George (Org.). História do Corpo. As mutações do Olhar. O século XX. Tradução e revisão Ephraim Ferreira Alves. Petrópolis, RJ: Vozes, 2008. (v. 3.)

Publicado
2019-12-31
Métricas
  • Visualizações do Artigo 292
  • ♪Áudio♪ downloads: 3
Como Citar
Pazin, N. P. de A., Azevêdo, D. P. de, & Nery, M. de S. (2019). POLÍTICA DE MASSIFICAÇÃO DO ESPORTE. Cenas Educacionais, 2(2), 61-95. Recuperado de https://revistas.uneb.br/index.php/cenaseducacionais/article/view/8021
Seção
Dossiê temático

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##