Ensino de Geometria nos anos finais do Ensino Fundamental: um mapeamento das produções no estado da Bahia

Palavras-chave: Mapeamento, Geometria, Educação Matemática

Resumo

Esta pesquisa objetivou identificar o que se publicou acerca do ensino de Geometria nas três últimas edições do Encontro Baiano de Educação Matemática (EBEM), e entender que implicações tais publicações apresentaram para o ambiente escolar. Vincula-se, este trabalho, ao Laboratório de Estudos e Pesquisas em Educação Matemática da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), campus VII, no município de Senhor do Bonfim-BA, e é resultado de estudo que contou com o financiamento do Programa AFIRMATIVA e PROLAB, que concede bolsas de pesquisa e extensão para estudantes cotistas da Universidade, bem como financia laboratórios de formação. Durante esta investigação, apresentamos e discutimos os dados de um mapeamento das produções publicadas nos anais das últimas edições do EBEM, que tem como campo de estudo o ensino de Geometria nos anos finais do Ensino Fundamental. Buscamos, nesta pesquisa, trazer uma quantificação destas produções, o conceito de Geometria apresentado nelas, e as implicações que as mesmas trouxeram para o ambiente escolar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leonardo Araújo Suzart
Estudante do curso de Licenciatura em Matemática da Universidade do Estado da Bahia (UNEB/DEDC-VII), monitor do Laboratório de Estudos e Pesquisas em Educação Matemática (LEPEM/UNEB) e bolsista do Programa AFIRMATIVA (UNEB). 
Américo Junior Nunes da Silva, Universidade do Estado da Bahia, UNEB, Brasil
Professor do Departamento de Educação da Universidade do Estado da Bahia (Uneb - Campus VII) e docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação, Cultura e Territórios Semiáridos ? PPGESA (Uneb - Campus III). Doutor em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), Mestre em Educação pela Universidade de Brasília (UnB), Especialista em Psicopedagogia Institucional e Clínica pela Faculdade Regional de Filosofia, Ciências e Letras de Candeias (IESCFAC), Especialista em Educação Matemática e Licenciado em Matemática pelo Centro de Ensino Superior do Vale do São Francisco (CESVASF). Foi professor e diretor escolar na Educação Básica. Coordenou o curso de Licenciatura em Matemática e o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid) no Campus IX da Uneb. Foi coordenador adjunto, no estado da Bahia, dos programas Pró-Letramento e PNAIC (Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa). Participou, como formador, do PNAIC/UFSCar, ocorrido no Estado de São Paulo. Pesquisa na área de formação de professores que ensinam Matemática, Ludicidade e Narrativas. Integra o Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Matemática (CNPq/UFSCar).

Referências

BAHIA. Documento Curricular Referencial da Bahia para Educação Infantil e Ensino Fundamental. Superintendência de Políticas para Educação Básica. União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação. Salvador: Secretaria da Educação, 2019.

BALDIN, Y. Y. O significado da introdução da Metodologia Japonesa de Lesson Study nos

Cursos de Capacitação de Professores de Matemática no Brasil. Anais do XVIII Encontro Anual da SBPN e Simpósio Brasil-Japão. São Paulo: SBPN, 2009.

BAIRRAL, M. de A. Instrumentação do Ensino de Geometria. v.1. 2 ed. Rio de Janeiro: Cecierj, 2012.

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Lisboa, Portugal: Edições 70, LDA, 2009.

BIEMBENGUT, M. S. 30 Anos de Modelagem Matemática na Educação Brasileira: das propostas primeiras às propostas atuais. ALEXANDRIA Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 2, n. 2, p. 7-32, jul. 2009

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular: educação é a base. Brasília, DF, 2017.

CABRAL, L. de J; PEROVANO, A. P. Um olhar para as estratégias utilizadas por estudantes do 9º ano do ensino fundamental para situações-problema envolvendo área. Anais do XVI Encontro Baiano de Educação Matemática. Salvador: 2015.

CAMPOS, E. S; ALMEIDA, L. C. de. Sequência didática para o ensino de ângulos por meio do Geogebra. Anais do XVIII Encontro Baiano de Educação Matemática. Ilhéus: 2019.

CERVO, A. L.; BERVIAN, P. A. Metodologia Científica. 3 ed. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil, 1983.

JESUS, L. O. M. de; DA SILVA, F. S; PIMENTEL, L. Poliedros e o futebol: construindo uma bola a partir do truncamento do icosaedro. Anais do XVI Encontro Baiano de Educação Matemática. Salvador: 2015.

OLIVEIRA, J. A. de; SILVA, H. R; SOUSA, A. J. J. A robótica educacional como proposta de ensino de conceitos da geometria. Anais do XVIII Encontro Baiano de Educação Matemática. Ilhéus: 2019.

MIRANDA, D. C; SILVA, A. R; BRITO, M. F. de. Quadriláteros notáveis no sexto ano do ensino fundamental. Anais do XVII Encontro Baiano de Educação Matemática. Alagoinhas: 2017.

FIGUEIREDO, M. Z. A; CHIARI, B. M.; GOULART, B. N. G de. Discurso do Sujeito Coletivo: uma breve introdução à ferramenta de pesquisa qualiquantitativa. Distúrbios da Comunicação, São Paulo, n. 25, p. 129-136, abr. 2013.

FIORENTINI, D; PASSOS, C. L. B.; LIMA, R. C. R. Mapeamento da pesquisa acadêmica brasileira sobre o professor que ensina Matemática: período 2001-2012. Campinas, SP: FE/UNICAMP, 2016.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2012.

LORENZATO, S. Por que não ensinar Geometria? Educação Matemática em revista, v. 4. São Paulo: SBEM, 1995.

LÜDKE, M.; ANDRÉ, M. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MACÊDO, L. V. L; COSTA, R. V; GOMES, W. da S; GOUVEIA, J. R. Ribeiro. Ensino de quadriláteros no 7º ano e teoria de Van Hiele: uma proposta didática do Programa Residência Pedagógica do IFBA campus Eunápolis. Anais do XVIII Encontro Baiano de Educação Matemática. Ilhéus: 2019.

MOREIRA, M. A. O que é, afinal, aprendizagem significativa? Instituto de Física – UFRGS, 2010. Disponível em: http://moreira.if.ufrgs.br/oqueeafinal.pdf. Acesso em: 05 jul. 2020.

NASCIMENTO, S. M. S; SANTANA, W. F. O software Geogebra e o Teorema de Pitágoras: um estudo de caso com estudantes do nono ano. Anais do XVIII Encontro Baiano de Educação Matemática. Ilhéus: 2019.

NCTM. Principles and standards for school mathematics. 2000. Disponível em: https://www.nctm.org/uploadedFiles/Standards_and_Positions/PSSM_ExecutiveSummary.pdf. Acesso em: 19 fev. 2019.

PASSOS, C. L. B. Representações, interpretações e pratica pedagógica: a geometria na sala de aula. 2000. 348p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/253367>. Acesso em: 05 jul. 2020.

PASSOS, C. L. B; NACARATO, A. M. O ensino de Geometria no ciclo de alfabetização: um olhar a partir da provinha Brasil. Revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática, São Paulo, v. 16, n. 4, p. 1147-1168, 2014.

PAVANELLO, R. M. O abandono do ensino da geometria no Brasil: causas e consequências. Zetetike, Campinas, v. 1, n. 1, p. 7-17, dez. 2009. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/zetetike/article/view/8646822/13724. Acesso em: 05 jul. 2020.

PAVANELLO, Regina Maria. O abandono de ensino de geometria: uma visão histórica. 1989. 196f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/252057>. Acesso em: 05 jul. 2020.

SÁ-SILVA, J. R; ALMEIDA, C. D; GUINDANI, J. F. Pesquisa documental: pistas teóricas e metodológicas. Revista Brasileira de História e Ciências Sociais, São Leopoldo, v.1, n.1, p. 1-15, jul. 2009. Disponível em: https://periodicos.furg.br/rbhcs/article/view/10351/pdf. Acesso em: 13 jun. 2020.

SANTOS, M. L. T; FERREIRA, M. B. C. Anos finais do ensino fundamental: opinião de professores de matemática sobre o ensino de geometria. Anais do XVII Encontro Baiano de Educação Matemática. Alagoinhas: 2017.

SANTOS, R. da S.; FERREIRA, M. B. C. Demonstração e prova em geometria: uma análise dos livros didáticos dos anos finais do ensino fundamental. Anais do XVII Encontro Baiano de Educação Matemática. Alagoinhas: 2017.

SILVA, J. da C. N. N; BORTOLOTI, R. D. M. “A Bahia já me deu régua e compasso”: o uso do desenho geométrico no redesenho de uma imagem. Anais do XVII Encontro Baiano de Educação Matemática. Alagoinhas: 2017.

SILVA, L. P. M. "O que é Geometria?". Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/matematica/o-que-e-Geometria.htm. Acesso em: 11 jun. 2020.

VASCONCELOS, M. M; OLIVEIRA, L. I. de; GOULART, C.; GOULART, J. S. S. O uso de materiais manipuláveis como recurso didático pedagógico no ensino de geometria plana com ênfase nos triângulos. Anais do XVII Encontro Baiano de Educação Matemática. Alagoinhas: 2017.

VIANA, D. S. B; PEREIRA, K. B; PRADO, P. F. do; BORTOLOTI, R. D. M. Teorema de Tales: sombras e alturas, relato de uma experiência com a Lesson Study. Anais do XVIII Encontro Baiano de Educação Matemática. Ilhéus: 2019.

Publicado
2020-07-22
Métricas
  • Visualizações do Artigo 222
  • PDF (PORTUGUÊS) downloads: 73
Como Citar
Suzart, L. A., & Silva, A. J. N. da. (2020). Ensino de Geometria nos anos finais do Ensino Fundamental: um mapeamento das produções no estado da Bahia. Revista Baiana De Educação Matemática, 1, e202002. https://doi.org/10.47207/rbem.v1i0.9016