EDUCAÇÃO FÍSICA E PSICOMOTRICIDADE: FATORES ASSOCIADOS AO DESENVOLVIMENTO COGNITIVO INFANTIL

Palavras-chave: Educação Infantil, Educação Física, Neuropsicomotor e Psicomotricidade

Resumo

A psicomotricidade pode ser entendida como campo de estudo multidisciplinar que busca a compreensão das relações do ser humano com o meio em que está inserido à medida que é moldado por suas práticas corporais e experienciais. A proposta do estudo é entender como a Psicomotricidade auxilia a Educação Física no desenvolvimento cognitivo infantil. Sendo assim, o principal objetivo é compreender a relação da psicomotricidade com a Educação Física no auxílio do desenvolvimento cognitivo infantil. Os procedimentos metodológicos foram baseados na revisão de literatura científica de livros e artigos, publicados entre 2010 e o ano de 2020, a fim de verificar o que há de mais recente e relevante a respeito dessa temática. A ciência da Psicomotricidade é importante para o desenvolvimento das áreas afetivas, motoras e cognitivas nas diferentes fases da vida, principalmente na infância, sendo assim, uma ferramenta importante no auxílio das aulas de Educação Física.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Natalie Santos Barbosa, Graduanda pelo Centro Universitário Jorge Amado

Graduanda em Educação Física. Membro do Núcleo de Estudo e Pesquisa em Educação Física.

Jeane Rodella Assunção, Docente no Centro Universitário Jorge Amado e no Centro Universitário Maurício de Nassau

Doutora em Ciências da Educação pela Universidade Colúmbia. É líder do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Educação Física. Membro do Grupo de Pesquisa Laboratório de Tecnologias Informacionais e Inclusão Sociodigital. Membro do Grupo de Pesquisa Educação Inclusiva e Necessidades Educacionais Especiais.

Referências

Associação Brasileira de Psicomotricidade < https://psicomotricidade.com.br/sobre/o-que-e-psicomotricidade/>Acesso 28 Out 2020.

A importância da Psicomotricidade para Educação Infantil. Disponível em: Acesso em 16 de Set. 2020.

ANDRADE, Ana. A importância do estímulo ao desenvolvimento da coordenação motora global fina. Universidade Estadual de Goiás 13 e 14 de novembro de 2017.

AQUINO, M. F. S. de et al. Psicomotricidade como ferramenta da educação física na educação infantil. Revista Bras. de Futsal e Futebol, São Paulo, v. 4, n. 14, p. 245-257. Jan/Dez. 2012. Disponível em: . Acesso em: 23 Set. 2020.
BESSA, Larissa; MACIEL, Rosana. A importância da Psicomotricidade no Desenvolvimento das Crianças nos anos iniciais. Revista Cientifica Multidisciplinar Núcleo do Conhecimento. Ano 01, Ed. 01, Vol.12, pp. 59-78, dezembro de 2016.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Educação é a Base. Brasília, MEC/CONSED/UNDIME, 2017.

CAMPOS, Aline Mara Araujo Dias. A importância da psicomotricidade para a educação infantil, 2013. Disponível em: Acesso em 24 de Out. 2020.

DORNELES, L. R., BENETTI, L.B. A psicomotricidade como ferramenta de aprendizagem. Monografias Ambientais REMOA/UFSM, Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, n. 8, 2012, p. 1775-1786.

CAVALCANTI, L. Psicomotricidade e sua importância para o desenvolvimento cognitivo, afeito e social da criança, 2015. Disponível em Acesso em 12 de Out. 2020.

COSTA JR, Dirceu. Psicomotricidade e Desenvolvimento Motor. Valinhos: 2017.
FONSECA, Vitor. Neuropsicomotricidade. Ensaio sobre as relações entre corpo, motricidade, cérebro e mente. Editora wak, 2018.

GOMES, A; MAGALHÃES, N; MAIA, P. Avaliação do desenvolvimento motor na fase fundamental de crianças em uma instituição de ensino de Pirajuí/SP – estudo comparativo, Lins, 2015.
Instituto Wallon Educacional. Psicomotricidade, movimento e recreação.
LENT, R. Cem bilhões de neurônios? Conceitos fundamentais de neurociência. 2. ed. São Paulo: Atheneu, 2010. 848 p.

MACHADO, José Ricardo Martins; VINICIUS, Marcos. Recriando a psicomotricidade. Rio de Janeiro: Sprint, 2010.

MARTINS, C.M. A Psicomotricidade como forma de contribuição para a aprendizagem na Educação Infantil e séries iniciais do ensino fundamental I.Trabalho de conclusão de curso (Pós Graduação em Psicomotricidade) – Centro Universitário Assunção UNIFAI, São Paulo, 2014

OLIVEIRA, Lelimar Lopes de; FONSECA, Maria da Conceição Vinciprova. A IMPORTÂNCIA DOS ESTÍMULOS: AFETIVO, COGNITIVO E MOTOR NO DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA DESDE SUA TENRA IDADE. Artefactum: REVISTA DE ESTUDOS EM LINGUAGEM E TECNOLOGIA, Rio de Janeiro, n. 01, p. 1-10, 2017.

NEGREIROS, F. Psicomotricidade e práticas pedagógicas no contexto da Educação Infantil: uma etnografia escolar. Revista Educação e Emancipação, São Luís, v. 11, n. 1, jan./abr. 2018. Disponível em: Acesso em 12 de Out. 2020.

OLIVEIRA, Andreza, F, S; SOUZA, Jose, M. A importância da psicomotricidade no processo de aprendizagem infantil. Revista Fiar: Revista Núcleo de Pesquisa e Extensão Ariquemes, v.2, n.1, p.125-146, 2013.

PATEL, V. Psicomotricidade. Uniasselvi. 2012.

RAMOS, Camila; FERNADES, Marcela. A importância de desenvolver a psicomotricidade a infância. EFDeportes.com, revista digital. Buenos Aires, fevereiro de 2011.

Revista Brasileira de Futsal e Futebol. Edição Especial: Pedagogia do Esporte, São Paulo, v.4, n.14, p. 245-257. Jan/Dez. 2012. ISSN 1984-4956.

XISTO, P.B., BENETTI, L.B. A psicomotricidade uma ferramenta de ajuda aos professores na aprendizagem escolar. Monografias Ambientais. REMOA/UFSM ,Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, n. 8, 2012, p. 1824-1836.
Publicado
2020-12-22
Métricas
  • Visualizações do Artigo 226
  • PDF downloads: 184
Como Citar
BARBOSA, N. S.; ASSUNÇÃO, J. R. EDUCAÇÃO FÍSICA E PSICOMOTRICIDADE: FATORES ASSOCIADOS AO DESENVOLVIMENTO COGNITIVO INFANTIL. Diálogos e Perspectivas Interventivas, v. 1, p. e9984, 22 dez. 2020.
Seção
Dossiê Temático