SOCIOEDUCAÇÃO E LIBERDADE ASSISTIDA: Um estudo de caso sobre o serviço de convivência e fortalecimento de vínculos

Janaina Araújo Veras Teles, Darliane Silva Amaral

Resumo


O presente texto busca analisar a medida socioeducativa de Liberdade Assistida para adolescentes que cometem atos infracionais. Para isso, a pesquisa foi realizada no âmbito do programa de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). As reflexões apresentadas, são resultados do estudo empírico — Estudo de Caso — considerando os procedimentos metodológicos da investigação qualitativa.  Outrossim, examina a trajetória de um dos adolescentes em cumprimento da medida socioeducativa de Liberdade Assistida, com registros em diário de campo e aplicação de entrevista semiestruturada ao adolescente e a um educador social que integrava a equipe do programa. Para tratar as informações recolhidas no Estudo de Caso utilizou-se a Análise de Conteúdo.

Palavras-chave


Liberdade assistida. Socioeducação. Adolescente

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.29378/plurais.2447-9373.2019.v4.n3.187-198

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Janaina Araújo Veras Teles, Darliane Silva Amaral

 

 

 e-ISSN: 2447-9373

Qualis Periódicos (2017-2018): B3

 

 

 Base de Indexadores:

         

  

 Localização dos Acessos:

 

 Licença:

 Licença Creative Commons
 Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.