AUTORIA DE CONTEÚDOS DIGITAIS POR PROFESSORES EM FORMAÇÃO: POTENCIALIDADES PARA APROPRIAÇÃO CIENTÍFICO-TECNOLÓGICAS

Autores

  • Adriane Lizbehd Halmann Universidade Estadual de Santa Cruz-UESC

DOI:

https://doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2012.v21.n38.p%25p

Palavras-chave:

Educação científica. Formação de professores. Autoria. Conteúdos digitais. Cultura digital

Resumo

O atual contexto de desenvolvimento das tecnologias da informação e comunicação faz emergir possibilidades de movimentos autorais em rede, o que vem transformando significativamente a educação científico-tecnológica, apontando para a necessidade da investigação de suas potencialidades no contexto da formação de professores. Tendo a construção de conteúdos digitais por professores em formação como campo de análise, este estudo buscou compreender suas implicações na apropriação científico-tecnológica desses sujeitos. Para tanto, a pesquisadora provocou e observou eventos de construção de conteúdos digitais em duas licenciaturas, em Física e em Educação do Campo, na Universidade Federal da Bahia, entre 2008 e 2011. Os resultados apontaram que a inserção de equipamentos não determina, por si só, os processos com eles desencadeados, mas traz condições para a implementação de outras situações de aprendizagem, potencializando construções autorais em diversas linguagens.Também foi possível perceber que processos autorais, com as tecnologias digitais, potencia-lizam outras práxis, para além das práticas reprodutivistas. Contudo, notou-se que as concepções dos professores, princi-palmente as empiristas, mais do que qualquer tecnologia, condicionam suas práticas, levando-os, inclusive, à tentativa de reproduzir antigos paradigmas educacionais, agora com as tecnologias digitais. As análises possibilitam afirmar que são profícuas as potencialidades dos processos autorais de conteú-dos digitais para  a apropriação científico-tecnológica por professores em formação. Entretanto é imperioso que sejam criadas, na formação dos professores, condições adequadas, visando uma educação científica que amplie os sentidos construídos pelos sujeitos acerca das ciências, qualificando sua atuação no mundo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriane Lizbehd Halmann, Universidade Estadual de Santa Cruz-UESC

Licenciada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Mestrado e Doutorado em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professora Adjunta na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), atuando na área de Ensino de Biologia. Pesquisa temas da Formação de Professores; Tecnologias da Informação e Comunicação; Alfabetização Científico-Tecnológica; Educação pela Pesquisa

Como Citar

HALMANN, A. L. AUTORIA DE CONTEÚDOS DIGITAIS POR PROFESSORES EM FORMAÇÃO: POTENCIALIDADES PARA APROPRIAÇÃO CIENTÍFICO-TECNOLÓGICAS. Revista da FAEEBA - Educação e Contemporaneidade, [S. l.], v. 21, n. 38, 2013. DOI: 10.21879/faeeba2358-0194.2012.v21.n38.p%p. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/faeeba/article/view/532. Acesso em: 24 abr. 2024.