“CORDEL-JORNAL” E O ATIVISMO NEGRO: OS CORDÉIS DA POETISA JARID ARRAES

Palavras-chave: Cordel; Feminismo Negro; Literatura popular.

Resumo

As manifestações artísticas constituem-se como ferramentas de construção e apreensão da realidade para pesquisas em Ciências Sociais e Humanas, portanto as artes não só retratam como também modifica/transforma a realidade. Diante deste cenário o texto a seguir teve como ponto de partida o seguinte problema de pesquisa: Como a poetisa Jarid Arraes mobiliza através da literatura de cordel um ativismo negro feminista? Buscar-se-á compreender dessa maneira como Arraes mobiliza a literatura de cordel para dar visibilidade ao seu ativismo. Em relação ao método foi escolhido a análise de conteúdo (AC) através dos instrumentos para geração e análise das representações a partir da construção de categorias e códigos. Chegou-se, portanto, aos resultados, os quais indicam uma relação íntima entre o cordel e a arte produzida por esta autora com algumas nuances sobre o que tradicionalmente se chamou de escrita popular.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diego Ramon Souza Pereira, Secretaria de Educação do Estado da Bahia
Doutorando em Sociologia na Universidade Federal de São Carlos, mestre pelo Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais da Universidade Feral da Bahia (2018), especialista em Antropologia pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (2015), bacharel em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Sergipe (2015), licenciado em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Sergipe (2012). Docente da Rede Estadual da Bahia desde 2013. Docente substituto da Universidade do Estado da Bahia, lecionando prioritariamente Sociologia e Filosofia. Atuou como tutor do Curso de Especialização em Ensino de Sociologia no Ensino Médio (SEAD/UFBA), polo São Francisco do Conde (BA). Atuando principalmente nos seguintes temas: cultura popular, discurso, pensamento social brasileiro, ensino de Sociologia, literatura de cordel e métodos qualitativos.
Publicado
2021-06-02
Métricas
  • Visualizações do Artigo 14
  • PDF downloads: 139
Como Citar
SOUZA PEREIRA, D. R. “CORDEL-JORNAL” E O ATIVISMO NEGRO: OS CORDÉIS DA POETISA JARID ARRAES. Revista Encantar - Educação, Cultura e Sociedade, v. 3, p. e021004, 2 jun. 2021.
Seção
DOSSIÊ