A EDUCAÇÃO FREIREANA NA CONTEMPORANEIDADE: um estudo do currículo na EJA à luz da BNCC

Palavras-chave: Currículo da EJA, Educação Freireana, BNCC.

Resumo

O artigo aborda a educação freireana na contemporaneidade na perspectiva de analisar os impactos da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) no currículo voltada para a Educação de Jovens e Adultos (EJA), tornando-se desafio para professores e gestores de Unidades Escolares da Rede Estadual de Ensino da Bahia nos municípios de Salvador e Bom Jesus da Lapa. No global, objetivou analisar a BNCC enquanto Política Pública propositiva à universalização de direitos e acesso ao conhecimento, bem como os impactos educacionais e reflexos sobre a formação continuada do professor da EJA. No específico os objetivos foram: refletir sobre a possível reformulação do currículo na EJA; entender como contemplar as práticas pedagógicas a luz freireana em atendimento ao novo documento; Identificar as perspectivas na adequação dos materiais didáticos.  Adotada a abordagem qualitativa com a técnica da pesquisa documental e contribuições de entrevistas dos sujeitos pesquisados. Os resultados apontam uma dissonância entre a Base Nacional Comum Curricular e os professores e gestores das instituições de ensino desta modalidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Deyse Queirós Santos, Universidade do Estado da Bahia

Professora do Colegiado de Administração da UNEB Campus XVII;Mestranda em Educação de Jovens e Adultos pelo MPEJA-UNEB, Especialista em Gestão de Varejo e MBA em Marketing.

 

Alcides Alves de Souza Filho, Universidade do Estado da Bahia
Mestrando do Programa em Educação de Jovens e Adultos (MPEJA) da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Professor da Rede Pública Estadual do Estado da Bahia.

Referências

ARROYO, Miguel. A educação de jovens e adultos em tempos de exclusão. Alfabetização e Cidadania: Revista de educação de jovens e adultos, v.11,p.9-20 2011.

BRASIL. Constituição (1988). Diário oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 5 de Outubro 1988.Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituição/.htm.>Acesso em 20 nov.2018.

BRASIL. Lei n.9394, de 20 de Dezembro de 1996. Diario oficial da União, Poder Legislativo, Brasilia, DF 23 de Dezembro 1996.Didsponível em Acesso em 20/11/2018.

BRANCO, V.A sala de aula na educação de jovens e adultos. Curitiba: Editora da UFPR, 2007.v.29

CAPUCHO, Vera. Educação de Jovens e Adultos :prática pedagógica e fortalecimento da cidadania.São Paulo:Cortez,2012.

CURY, Carlos Roberto Jamil. Base Nacional Comum Curricular: dilemas e perspectivas São Paulo: Cortez, 2018.

FREIRE, Paulo(1968). Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2005.

GODOY, Arilda Schmidt. Pesquisa qualitativa: Tipos fundamentais. São Paulo: RAE – Revista de Administração de Empresas, v. 35, n. 2, p. 20-29, 1995.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. O desafio do conhecimento. Pesquisa qualitativa em saúde. 9ª ed. São Paulo: Hucitec, 2006.

PAULA, Claudia Regina de. Educação de jovens e adultos: a educação ao longo da vida. Curitiba: Ibipex,2011.

SILVA ,Ainda Maria Monteiro. Escola Pública e Construção da Cidadania: possibilidade e Limites. Tese ( Doutorado)-Faculdade de Educação da USP, São Paulo, 2000.

Publicado
2020-06-01
Métricas
  • Visualizações do Artigo 358
  • PDF downloads: 233