A CRISE AMBIENTAL EM EVIDÊNCIA: ANÁLISE DO DISCURSO FOUCAULTIANO – MODOS DE FAZER PESQUISA EM EDUCAÇÃO1

Virgínia Tavares Vieira, Paula Corrêa Henning

Resumo


Este artigo tem como pretensão colocar em suspenso o discurso da crise ambiental por meio das letras de rock and roll de diferentes países ocidentais para pensarmos na trama discursiva que vem compondo o campo da Educação Ambiental. Para isso, selecionamos como metodologia algumas ferramentas da análise do discurso a partir de Michel Foucault, operando especificamente com os conceitos de discurso e enunciado. Sendo assim, apoiada em autores como Michel Foucault, Félix Guattari, Isabel Carvalho e Leandro Belinaso Guimarães, a pesquisa demonstra a importância da cultura na produção de modos de ser e estar na contemporaneidade. Ao estudar o discurso da crise ambiental presente nas letras de rock, entende-se que tal artefato cultural auxilia para colocar em operação uma relação de poder ao fabricar verdades, produzir sentidos e constituir sujeitos. Destacamos que este artigo nos evidencia uma das formas de olhar para a crise ambiental: o homem como principal destruidor de nosso planeta.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2013.v22.n40.p209-220

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


e-ISSN: 2358-0194

 Classificação Qualis CAPES:

 Educação - A2

  Indexadores:

       

      

   

      

 

  Localização dos Acessos:


 

  Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0