O DEBATE SOBRE IDENTIDADE, CULTURA E CONHECIMENTO EM UM PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: PROCESSOS FORMATIVOS PARA A DOCÊNCIA E PARA A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

Maria Fernandes Laffin, Audemara Rodrigues Nascimento, Antonio Amorim

Resumo


O objetivo deste artigo é situar um ensaio mediante uma análise teórica acerca da relação entre identidade e cultura no contexto do conhecimento fundamental e formativo na Educação de Jovens e Adultos, no Programa de Mestrado Profissional em EJA. Para tanto, busca-se uma definição conceitual dos termos identidade e cultura, ao mesmo tempo em que se investiga a constituição da identidade cultural brasileira a partir da contribuição das matrizes étnicas presentes na história do Brasil, seguida de discussões sobre identidade, cultura e conhecimento na EJA no contexto atual. Este texto resulta de pesquisa bibliográfica e reflexões do aporte teórico de Munanga (2009), Sacristán (2006), Silva (2000) e Freire (1979), entre outros que discutem as múltiplas referências e a diversidade da identidade cultural dos sujeitos que frequentam a EJA e sua relação com o currículo. A análise teórica apresenta como resultado a necessidade do reconhecimento da diversidade cultural do povo brasileiro pela EJA. Discute, por fim, a proposição de uma escola aberta às múltiplas identidades presentes na escolarização na EJA e na formação docente.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2016.v25.n47.p77-88

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


e-ISSN: 2358-0194

 Classificação Qualis CAPES:

 Educação - A2

  Indexadores:

       

      

   

      

 

  Localização dos Acessos:


 

  Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0