A EDUCAÇÃO EM PRISÕES E OS CONTEÚDOS ETNICOS-RACIAIS: UMA REFLEXÃO A PARTIR DO PROJETO A COR DO BRASIL

Resumo

O texto traz uma discussão a cerca da relação entre educação em prisões e os conteúdos étnico-raciais no currículo escolar do Conjunto Penal Masculino de Salvador a partir do Projeto A Cor do Brasil em cumprimento a Lei 10.639/2003 que fala da obrigatoriedade do ensino de história e cultura afro-brasileira na educação básica. O Projeto A Cor do Brasil alinhado ao currículo de educação em prisões do Colégio Professor George Fragoso Modesto inseriu uma pratica pedagógica baseada no diálogo pedagógicos a partir dos temas geradores sobre as questões étnico-raciais, oportunizando a participação coletiva e reflexiva de todos os envolvidos no Projeto, levando uma produção exitosa de materiais por parte dos estudantes e acima de tudo elevando sua conscientização critica.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-06-30
Métricas
  • Visualizações do Artigo 101
  • PDF downloads: 143