Projeto Viajando na Leitura Escola Estadual Cesar Lombroso Penitenciária José Maria Alkimim

Autores

Palavras-chave:

Educação. Leitura. Sistema Carcerário. Minas Gerais.

Resumo

O objetivo do presente estudo foi discorrer sobre a educação no Sistema Carcerário mais especificamente sobreo projeto Viajando na Leitura que funciona dentro da Escola Estadual César Lombroso na Penitenciária José Maria Alkimim. Não restam dúvidas que o papel da educação no cárcere deve ser de reeducar os criminosos e auxiliá-los a ter uma visão mais ampla de mundo, a buscar outras formas de inserção na sociedade, pois observamos que os detentos que tem acesso à escola estão mais acessíveis ao mercado de trabalho. É através do ensino que os encarcerados têm a oportunidade de se humanizarem e se transformar. A Educação é transformadora quando se quer transformar. O ensino aprendizagem se faz com o professor por que ele é mediador. De modo a alcançar o objetivo proposto, a metodologia utilizada no desenvolvimento do artigo foi a revisão bibliográfica qualitativa fundamentada em autores que discorrem sobre o assunto que compuseram a discussão. Mediante a discussão apresentada foi possível inferir que a leitura no Sistema Carcerário precisa ser vista como via de inclusão social e de melhoria para a formação dos indivíduos que ali se encontram, para que o processo de reintegração tenha um olhar mais positivo da sociedade. Logo, a leitura tem uma função crítica e social muito importante, porque oferece a opção de se posicionar perante a realidade da sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos Fernandes Rafael, Escola Estadual Cesar Lombroso

Prof. e Gestor educacional, Secretaria de Educação de Minas Gerais. Mestre em Educação pela Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais. Possui graduação em GEOGRAFIA pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2002) e em PEDAGOGIA pelo Centro Universitário UniDomBosco (2020), Especialista em Gestão escolar Designer Instrucional

Referências

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado,1988. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constitui%C3%A7ao.html. Acesso em: 20 fev. 2018.

___. Lei de execução Penal: Lei n. 7.210, de 11 de julho de 1984. Institui a Lei de Execução Penal – Brasília: Câmara dos Deputados, Coordenação de Publicações, 2008.

___. Lei nº 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Diretrizes e Bases da Educação Nacional – LDBEN. Diário Oficial da União, Brasília, 20 dez. 1996. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/lei9394_ldbn1.pdf. Acesso em: 18 fev. 2018.

___. Lei n° 12.433, de 29 de junho de 2011. Altera a Lei no 7.210, de 11 de julho de 1984 (Lei de Execução Penal), para dispor sobre a remição de parte do tempo de execução da pena por estudo ou por trabalho. Diário Oficial da União, Brasília, 29 jun. 2011. Disponível em:http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/lei/l12433.htm. Acesso em: 09 dez. 2018.

___. Conselho Nacional de Educação. Resolução nº 2: Diretrizes Nacionais para a oferta de educação para jovens e adultos em situação de privação de liberdade nos estabelecimentos penais. [S.I] [online]. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/docman/agosto-2017-pdf/70431-res-cne-cp-002-03072015-pdf/file. Acesso em: 09 dez. 2018.

___. Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária. Resolução nº 3 – mar/09. Dispõe sobre as Diretrizes Nacionais para a Oferta de Educação nos estabelecimentos penais.>. Disponível em: http://depen.gov.br/DEPEN/depen/cnpcp/resolucoes/2009/resolucaono3de11demarcode2009.pdf. Acesso em: 09 dez. 2018.

___. Resolução n°14, de 11 de novembro de 1994. Resolve fixar as Regras Mínimas para o Tratamento do Preso no Brasil. Diário oficial da União, Brasília, 02 dez. 1994. Disponível em:http://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache:Snxr_KdEOC0J:www.crpsp.org.br/interjustica/pdfs/regras-minimas-para-tratamento-dos-presos-no-brasil.pdf+&cd=1&hl=pt-BR&ct=clnk&gl=br&client=firefox-b-ab. Acesso em: 09 dez. 2018.

___. Decreto n° 8.386, de 14 de janeiro de 1882. Dá novo Regulamento para a Casa de Correção da Corte. Coleção de Leis do Império do Brasil. 1882. Disponível em: http://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1824-1899/decreto-8386-14-janeiro-1882-544928-publicacaooriginal-56609-pe.html. Acesso em: 09 dez. 2018.

___. Ministério da Educação. Plano Nacional da Educação 2001-2010. [S.I] [online]. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/pne.pdf. Acesso emL 09 dez. 2018.

___. Ministério da Educação. Plano Nacional de Educação em Direito Humanos. [S.I] [online]. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/docman/dezembro-2009-pdf/2191-plano-nacional-pdf. Acesso em: 09 dez.2018.

___. Ministério da Justiça e Segurança Pública. Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias 2016. [S.I] [online] . Disponível em:http://depen.gov.br/DEPEN/noticias-1/noticias/infopen-levantamento-nacional-de-informacoes-penitenciarias-2016. Acesso: em: 09 Jun.2018.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. Revisada e atualizada. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2011.

JULIÃO, E. F. Escola na ou da prisão? Caderno Cedes, Campinas, v. 36, n. 98, p. 25-42, jan./abr. 2016.

MAIA, Joseane. Literatura na Formação de Leitores e Professores. São Paulo: Paulinas, 2007- (Coleção literatura e ensino).

MENOTTI, Camila.; ONOFRE, Elenice. O sentido e o significado da docência na perspectiva de educadores/as aprisionados/as. In. PEREIRA, I.; LUZ, A.; (Org.). O espaço prisional: estudos, pesquisas e reflexões educativas. Curitiba: Appris, 2014.

MINAS GERAIS. Governo do Estado. Termo de Cooperação Técnica 2016. Disponível em: http://www.age.mg.gov.br/images/stories/downloads/leis/lei-22257.pdf. Acesso em: 09 dez. 2018.

MORIN, Edgar. A via para o futuro da humanidade. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2013.

NASCIMENTO, Lopes. A leitura em sala de aula, desenvolvimento do hábito da leitura em turma de EJA. Salvador, 2012.

TRINDADE, L. L. Biblioterapia e as bibliotecas de estabelecimentos prisionais: conceitos, objetivos e atribuições. 2009. 118 f. Monografia. (Bacharelado em Biblioteconomia) – Departamento de Ciência da Informação Documentação. Universidade de Brasília, Brasília, 2009.

Arquivos adicionais

Publicado

2023-11-20

Como Citar

RAFAEL, M. F. Projeto Viajando na Leitura Escola Estadual Cesar Lombroso Penitenciária José Maria Alkimim. Revista Internacional de Educação de Jovens e Adultos, [S. l.], v. 6, n. 11, p. 229–237, 2023. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/rieja/article/view/15579. Acesso em: 17 jun. 2024.