O cinema de Kiarostami na formação inicial de professores por matizes ético-estéticos

Palavras-chave: Educação e cinema, Kiarostami, Formação inicial de professores

Resumo

Os processos formativos docentes tomam matizes ético-estéticos quando o cinema de Kiarostami chega às narrativas de formação. Este trabalho, resultante de uma pesquisa de tese, projeta-se em cenas das obras cinematográficas de Kiarostami ao percorrer seus caminhos e dialogar, literalmente, em rodas de conversa, em Língua Portuguesa e Língua Brasileira de Sinais. As temáticas que estão na sala de aula, com as luzes ora apagadas ora acesas, apareceram em uma investigação que objetivou compreender os processos formativos docentes na formação inicial de professores a partir do instituinte ético-estético em educação, mobilizados pelo cinema. As narrativas fílmicas aproximaram a experiência cinema de jovens professores, compondo um repertório de nuances que enredam nossa atenção em cenas lentas, silenciosas e inquietantes. As pistas deixadas pelo cineasta provocam em quem viaja em seus filmes, para o convite a pensar sobre si e as ideias que lhe ocorrem, produzindo deslocamentos. As imagens nos punham a conversar com nossos pensamentos e atitudes. O tempo e os movimentos dos filmes, acomodam e rebatem palavras que aparecem nos discursos, requerendo argumentos para serem defendidos ou refutados. As pistas deixadas nas narrativas dos professores falaram de processos formativos que as cenas mostradas por Kiarostami enchiam de sentido.

Palavras-chave: Educação e Cinema. Kiarostami. Formação Inicial de Professores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tania Micheline Miorando, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, Rio Grande do Sul

Doutora e Mestre em Educação. Especialista em Educação de Surdos. Licenciada em Educação Especial/Hab. em Educação de Surdos. Professora Adjunta no Departamento de Educação Especial, Centro de Educação, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM.

Valeska Maria Fortes de Oliveira, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Dra em Educação. Prof.ª Adjunta no Departamento de Fundamentos em Educação. Centro de Educação Universidade Federal de Santa Maria. Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação e Imaginário Social - Gepeis.

Referências

BANDEIRA, Manuel. Vou-me embora pra Pasárgada. 2. ed. Rio de Janeiro: J. Olympio, 2007.

BARBIER, René. A pesquisa-ação. Tradução de Lucie Didio. Brasília (DF): Liber Livro, 2004.

BERGALA, Alain. La Hipótesis Del Cine. Pequeño Tratado sobre la Transmisión Del Cine en La Escuela y Fuera de Ella. Barcelona: LAERTES Educación, 2007.

CASTORIADIS, Cornelius. A instituição imaginária da sociedade. Tradução de Guy Reynaud. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1982.

CASTORIADIS, Cornelius. As encruzilhadas do labirinto II – domínios do homem. Tradução de José Oscar de Almeida Marques. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

COHN, Clarice. Antropologia da Criança. São Paulo: Jorge Zahar, 2005.

DIAS, Rosimeri de Oliveira (Org.). Formação inventiva de professores. Rio de Janeiro: Lamparina, 2012.

EDWARDS, Carolyn; GANDINI, Lella; FORMAN, George. As cem linguagens da criança: a abordagem de Reggio Emilia na educação da primeira infância. Tradução de Dayse Batista. Revisão Técnica de Maria Carmen Silveira Barbosa. Porto Alegre: Penso, 2018.

FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler. 35 ed. São Paulo. Cortez, 1997.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2011.

FREIRE, Paulo. Professora, sim; tia, não. Cartas a quem ousa ensinar. 24 ed., Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2013.

FRESQUET, Adriana. Cinema e educação: reflexões e experiências com professores e estudantes de educação básica, dentro e fora da escola. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2013.

GADAMER, Hans-Georg. Verdade e método I: traços fundamentais de uma hermenêutica filosófica. Tradução de Flávio Paulo Meurer. 15ª ed. Petrópolis, RJ: Vozes. Bragança Paulista: Editora Universitária São Francisco, 2015.

HERMANN, Nadja. Ética e Estética: a relação quase esquecida. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2005.

KIAROSTAMI, Abbas. Duas ou três coisas que sei de mim. Tradução de Álvaro Machado. In: KIAROSTAMI, Abbas. Abbas Kiarostami. Tradução de Samuel Titan Jr., Álvaro Machado e Eduardo Brandão. São Paulo: Cosac Naify, 2004.

MIORANDO, Tania Micheline. Ir ao Cinema: a Formação Inicial de Professores e o instituinte ético-estético em Educação nos Processos Formativos Docentes. 2018. 150p. Tese (Doutorado em Educação). Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Santa Maria, RS, 2018. Disponível em https://repositorio.ufsm.br/handle/1/16244. Acesso em: 14 maio 2021.

MIORANDO, Tânia Micheline; COSTA, S. C.; SILVA, K. R. P.; NARVAES, A. B.; SILVA, J. D.; SANTOS, C. B. Brincando com palavras e imagens na formação: aprender a desaprender para uma docência criativa. In: Gabriella Eldereti Machado, Bianka de Abreu Severo. (Org.). Linguagens em movimento no ensino: atravessamentos e experiências. 1ed.São Paulo: Editora Pimenta Cultural, 2020, v. 1, p. 88-104. Disponível em https://12a44a16-333b-2afc-4c09-a9f4ce61c300.filesusr.com/ugd/c6b165_3b43f6b91019479299e4119cf4cfb4ce.pdf. Acesso em: 23 set 2020.

MIORANDO, Tania. M.; DEBUS, Ionice. S.; OLIVEIRA, Valeska. M. F. Políticas Públicas para a Formação Docente: Saberes e Práticas da Docência. In: CADERNO PEDAGÓGICO. v. 14, p. 63-78. Lajeado: Editora da Univates, 2017. Disponível em http://www.univates.br/revistas/index.php/cadped/article/view/1701. Acesso em: 05 maio 2021.

MONASSA, Tatiana. Shirin - Crítica. Contracampo - Revista de Cinema. Nº 94. s/d. Disponível em http://www.contracampo.com.br/94/mostrashirin.htm. Acesso em: 15 maio 2021.

MORIN, Edgar O cinema ou o Homem Imaginário. Ensaio de Antropologia Sociológica. São Paulo: É Realizações, 2014.

OLIVEIRA, Valeska Fortes de. Apresentação. In: OLIVEIRA, Valeska Fortes de. (Org) Redes Imaginárias e Processos Formativos: olhares ressignificados. Curitiba, PR: CRV, 2014.

OLIVEIRA, Valeska Fortes de. Isso aqui tá virando brasil... Cinema e produções audiovisuais no espaço da formação de professores. Revista Digital do Laboratório de Artes Visuais, Santa Maria/RS, UFSM/RS, v. 10, n 2, p. 92-106, 2017. Disponível em https://periodicos.ufsm.br/revislav/article/view/28789/pdf. Acesso em: 14 maio 2021.

OLIVEIRA, Valeska Fortes de; NARVAES, Andréa Becker; MIORANDO, Tania Micheline. Currículo e Formação: imaginários para pensar a docência na diversidade. In: MOREIRA, Antônio Flavio B. et al (Orgs). Didática(s) entre diálogos, insurgências e políticas: tensões e perspectivas na relação com currículo e avaliação. 1. ed. - Rio de Janeiro/Petrópolis: Faperj; CNPq; Capes; Endipe /DP et Alii, 2020. Disponível em http://www.xxendiperio2020.com.br/anais-virtual#anais. Acesso em: 06 janeiro 2021.

OLIVEIRA, Valeska Fortes de; VASCONCELLOS, Vanessa Alves da Silveira de; DEBUS, Ionice da Silva; FARENZENA, Marilene Leal. BREZOLIN, Caroline Ferreira. Cinema e educação: experiências estéticas de formação mediadas pela sétima arte. In: Formação Docente, Belo Horizonte, v. 07, n. 12, p. 91-102, jan./jun. 2015. 97 Disponível em http://formacaodocente.autenticaeditora.com.br/artigo/exibir/18/106/1. Acesso em: 29 mar. 2016.

PATRICK, Andrew. O Irã entre o Ocidente e sua autodeterminação. Rev. Sociol. Polit., Curitiba, n. 24, p. 257-260, June 2005. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-44782005000100018&lng=en&nrm=iso . Acesso em: 05 maio 2021. https://doi.org/10.1590/S0104-44782005000100018.

PEREIRA, Marcos Villela. Estética da Professoralidade: Um estudo crítico sobre a formação do professor. Santa Maria: Editora UFSM, 2013.

PEREIRA, Marcos Villela. O limiar da experiência estética: contribuições para pensar um percurso de subjetivação. Pro-Posições, Campinas, v. 23, n. 1, p. 183-198, Apr. 2012 . Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072012000100012&lng=en&nrm=iso . Acesso em: 05 May 2021. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-73072012000100012.

PEREIRA, Marcos Villela. O limiar da experiência estética: contribuições para pensar um percurso de subjetivação. Pro-Posições, Campinas , v. 23, n. 1, p. 183-198, Apr. 2012 . Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072012000100012&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 14 May 2021. https://doi.org/10.1590/S0103-73072012000100012.

RANGEL, Jorge Antonio. Edgard Roquette-Pinto. Recife: Fundação Joaquim Nabuco, Editora Massangana, 2010. Disponível em https://wp.ufpel.edu.br/roquettepinto/files/2017/03/Quem-Foi-Edgar-Roquette-Pinto.pdf. Acesso em 05 de maio de 2021.

RESENDE, DOUGLAS M. M. O Cinema de Abbas Kiarostami: Entre a transparência e a auto-inquirição, 2008. 133p. Dissertação (Mestrado Artes). Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Belo Horizonte, 2008. Disponível em https://repositorio.ufmg.br/bitstream/1843/JSSS-7WKH7N/1/o_cinema_de_abbas_kiarostami___autor_douglas_resende__disser.pdf. Acesso em 14 de maio de 2021.

SANTO, Murillo Müller do Espírito; BALDASSO, Tiago Oliveira. A Revolução Iraniana: Rupturas e Continuidades na Política Externa do Irã. In: Revista Perspectiva : reflexões sobre a temática internacional. v. 10, n. 18 (fev./mar.). Porto Alegre : UFRGS/FCE/CERI, 2017. Disponível em https://seer.ufrgs.br/RevistaPerspectiva/article/view/80167. Acesso em 04 de maio de 2021.

SILVA, Monique da. e OLIVEIRA, Valeska Maria Fortes de. Ensaio em defesa da leveza, do sensível e da sensibilidade na pesquisa em educação. In: Educação e Filosofia: Uberlândia, v. 30, n. 60, p. 515-1166. Jul. Dez. 2016. Disponível em http://www.seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/27287/19866. Acesso em 14 de maio de 2021,

SILVA, Monique; OLIVEIRA, Valeska M. Fortes de. A Escola como Instituição Imaginária Social: Desafios da Educação Contemporânea. Educere Et Educare (IMPRESSO), v. 11, p. 055-069, 2016.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. 17. Ed. Petrópolis: Vozes, 2018.

Filmografia:

O pão e o beco (Nan va kuche – Irã – 1970), de Abbas Kiarostami.

O recreio (Zang-e tafrih – Irã – 1972), de Abbas Kiarostami.

A experiência (Tajrobe – Irã – 1973), de Abbas Kiarostami.

Duas soluções para um problema (Do rah-e hal baray-e yek mas’ale – Irã –

, de Abbas Kiarostami.

Gosto de cereja (Tam’e-ghilas – Irã / França – 1987), de Abbas Kiarostami.

Onde fica a casa do meu amigo? (Khane-ye dust kojast? – Irã – 1987), de Abbas

Kiarostami.

Através das oliveiras (Zir-e derakhtan-e zeytun – Irã – 1994), de Abbas

Kiarostami.

O vento nos levará (Bad ma-ra khahad bord – Irã/França – 1999), de

Abbas Kiarostami.

Dez (Ten – Irã / França / EUA – 2002), de Abbas Kiarostami.

Shirin (Shirin - Irã - 2008), de Abbas Kiarostami.

Publicado
2021-09-06
Métricas
  • Visualizações do Artigo 33
  • pdf downloads: 35
Como Citar
MIORANDO, T. M.; OLIVEIRA, V. M. F. DE. O cinema de Kiarostami na formação inicial de professores por matizes ético-estéticos. Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)biográfica, v. 6, n. 18, p. 541-555, 6 set. 2021.