KARL MARX: Educação Tecnológica/Politécnica e a atualidade das suas reflexões

Anthone Mateus Magalhães Afonso, Wania Regina Coutinho Gonzalez

Resumo


O objetivo principal deste artigo é analisar e discutir a concepção de educação tecnológica/politécnica formulada no século XIX por Karl Marx, considerando sua historicidade. Foi realizada pesquisa documental para identificar os principais textos que tratavam de suas propostas educacionais e consideradas as contribuições de renomados comentadores de suas obras. Não se pretende esgotar as discussões sobre essas propostas, mas levantar aspectos fundamentais delas para o desenvolvimento da Educação Profissional e Tecnológica (EPT) na atualidade. A partir do estudo empreendido e das análises efetuadas considerando o contexto histórico de sua formulação, verificam-se propostas educacionais voltadas para uma formação mais ampla, humana, omnilateral, que contempla a articulação entre teoria e prática, trabalho técnico intelectual e trabalho técnico manual, uma formação não voltada apenas para as especificidades e particularidades das funções ocupacionais nas indústrias ou empresas, sob os interesses do capital: algo tão importante e ainda atual mesmo no século XXI, onde verificamos, por exemplo, a implantação da Reforma do Ensino Médio indo de encontro à perspectiva da omnilateralidade.


Palavras-chave


Concepção de educação. Educação profissional e tecnológica. Trabalho e educação.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.29378/plurais.2447-9373.2019.v4.n3.170-185

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Anthone Mateus Magalhães Afonso, Wania Regina Coutinho Gonzalez

 

 

 e-ISSN: 2447-9373

Qualis Periódicos (2017-2018): B3

 

 

 Base de Indexadores:

         

  

 Localização dos Acessos:

 

 Licença:

 Licença Creative Commons
 Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.