Uma obra referência para professores rurais:escola primária rural

  • Dóris Bittencourt Almeida Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Resumo

Este trabalho analisa a obra Escola Primária Rural, produzida pela professora etécnica rural Ruth Ivoty Torres da Silva, no início da década de 1950, no Rio Grande doSul. Os textos do livro revelam representações que foram construídas sobre o mundorural; representações acerca dos significados da escola, dos professores, dos alunos edas populações rurais, de um modo geral. O estudo em questão insere-se no campode investigações da História da Educação, sendo esta uma componente fundamentalda história das práticas culturais e do cotidiano social. A pesquisa identifica-se comos pressupostos teóricos da História Cultural, corrente historiográfica que pretendebuscar alternativas à história de cunho tradicional. O trabalho também se inscreveno campo da história das práticas de leitura e escrita, tendo como referenciais asconcepções da cultura escrita enquanto produção discursiva de um determinadotempo e lugar. Para além da apresentação dos temas abordados no livro, a investigaçãoestá especialmente interessada nos significados da difusão dos discursos divulgadospela obra, nos processos de subjetivação provocados pelos textos escritos e suaspossíveis influências nos modos como os professores rurais pensavam, agiam e seexpressavam nos espaços de construção de suas identidades. Entende-se que o livroEscola Primária Rural constitui-se em um documento significativo para a Históriada Educação, por abordar questões relevantes acerca da problemática do ensinonas regiões campesinas, relatar experiências de atividades rurais desenvolvidasem diferentes escolas e propor sugestões de atividades empíricas relacionadas aotrabalho pedagógico do professor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dóris Bittencourt Almeida, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
Doutora em Educação (PPGEdu/UFRGS). Professora da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grandedo Sul

Referências

ALMEIDA, Dóris Bittencourt. A educação rural como um processo civilizador. In: STEPHANOU, Maria; BASTOS,

Maria Helena Câmara (Orgs.). Histórias e memórias da educação no Brasil: século XX. Petrópolis: Vozes,

v.3. p. 278-295.

______. Vozes esquecidas em horizontes rurais: histórias de professores. Rio Grande do Sul, 2001. Dissertação

(Mestrado em Educação) - Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal do Rio Grande do

Sul, Porto Alegre, 2001.

CHARTIER, Roger (Org.). Práticas da leitura. São Paulo: Estação da Liberdade, 2009.

CUNHA, Maria Teresa Santos. Nas margens do instituído: memória/educação. Revista História da

Educação, Pelotas, n. 5, p. 23-38, abr. 1999.

GHIRARDELLI JR., Paulo. História da Educação. São Paulo: Cortez, 1995.

MENESES, Ulpiano T. Bezerra de. A crise da memória, história e documento: reflexões para um tempo de transformações.

In: SILVA, Zélia Lopes (Org.). Arquivos, patrimônio e memória. São Paulo: UNESP: FAPESP, 1999. p. 11-29.

Uma obra referência para professores rurais: escola primária rural

Revista da FAEEBA – Educação e Contemporaneidade, Salvador, v. 20, n. 36, p. 57-68, jul./dez. 2011

NAGLE, Jorge. Educação e sociedade na Primeira República. São Paulo: EPU, 1974.

PESAVENTO, Sandra Jatahy. História & História Cultural. Belo Horizonte: Autêntica, 2003.

PINTO, Celi Regina Jardim. Com a palavra o senhor Presidente José Sarney: o discurso do Plano

Cruzado. São Paulo: Hucitec, 1989.

SILVA, Ruth Ivoty Torres da. Educação primária rural. Porto Alegre: Globo, 1951.

SOTO, William Héctor Gómez. A produção do conhecimento sobre o “mundo rural” no Brasil: as

contribuições de José de Souza Martins e José Graziano da Silva. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2002.

REVISTA DO ENSINO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL , 1951, n.7.

ENTREVISTA com José Otávio Bertaso. Porto Alegre : Globo, 2002.

Publicado
2013-06-22
Métricas
  • Visualizações do Artigo 545
  • PDF downloads: 479
Como Citar
ALMEIDA, D. B. Uma obra referência para professores rurais:escola primária rural. Revista da FAEEBA - Educação e Contemporaneidade, v. 20, n. 36, 22 jun. 2013.