Leituras de jovens de camadas populares

letramentos escolares e não escolares no campo

Autores

  • Carlos Augusto Novais Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Gilcinei Teodoro Carvalho Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Maria Zélia Versiani Machado Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais.

DOI:

https://doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2015.v24.n43.p199-209

Palavras-chave:

Repertórios de leitura. Letramentos. Escolas do campo. Comunidades rurais.

Resumo

Este trabalho apresenta resultados da pesquisa “Letramentos em contextos do campo: práticas escolares e não escolares em comunidades rurais”. A investigação objetiva compreender práticas de leitura e escrita de jovens do campo realizadas na escola e nas suas comunidades. Esta análise considerou dados levantados por meio de questionários aplicados aos alunos de duas Escolas Família Agrícola (EFA), de ensino secundário técnico em agropecuária. Contou-se, ainda, com depoimentos gravados em vídeos, observações in locoe registros fotográficos. Em razão do regime de alternância praticado nessas escolas, considerou-se propício o fato de os alunos vivenciarem um projeto pedagógico que preconiza vínculos mais estreitos entre conhecimentos escolares e não escolares. Os dados coletados indicam a heterogeneidade de repertórios de leitura e de escrita nas práticas de letramento na escola e no ambiente familiar e sinalizam ora a presença de uma visão pragmática relativa ao mundo do trabalho, previsto para um contexto de formação em que um conhecimento técnico é exigido, ora a influência de referências culturais e de leituras valorizadas socialmente. Esse hibridismo aponta a maleabilidade das fronteiras, relativizando uma hipótese de caracterização homogênea de práticas de leitura e de escrita vivenciada pelos jovens em contextos rurais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Augusto Novais, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Doutor em Literatura Brasileira. Professor Adjunto III da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Gilcinei Teodoro Carvalho, Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Doutor em Linguística. Professor Adjunto III da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Maria Zélia Versiani Machado, Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais.

Doutora em Educação. Professora Associada I da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais.

Referências

BURKE, Peter. Hibridismo cultural. São Leopoldo: Editora Unisinos, 2009.

CANCLINI, Néstor Garcia. Culturas híbridas. São Paulo: Edusp, 2008.

COHEN, Anthony P. The symbolic construction of community. London: Routledge, 1985.

DONNAT, Olivier. Encuestas sobre los comportamientos de lectura. Cuestiones de método. In: LAHIRE, Bernard (Org.). Sociología de la lectura: del consumo cultural a las formas de la experiencia literaria. Barcelona: Gedisa, 2004. p. 59-84.

FAILLA, Zoara (Org.). Retratos da leitura no Brasil 3. São Paulo: Instituto Pró-Livro/Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2012.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Cidades. Brasília, DF, 2011. Disponível em: <http://cidades.ibge.gov.br/xtras/home.php>. Acesso em: 31 mar. 2015.

JONES, Kathryn; MARTIN-JONES, Marilyn; BHATT, Arvind. A construção de uma abordagem crítica, dialógica para a pesquisa sobre o letramento multilingue: diários de participantes e entrevistas. In: MAGALHÃES, Izabel

(Org.). Discursos e práticas de letramento. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2012. p. 111-158.

LAHIRE, Bernard. Les raisons de l’improbable: les formes populaires de la ‘réussite’ dans l’école élémentaire. In: VINCENT, G (Org.). L’éducation prisionnière de la forme scolaire?Lyon: PUL, 1994. p. 73-106.

______. A cultura dos indivíduos. Porto Alegre: Artmed, 2006.

PETIT, Michèle. Tours et dètours des lecteurs dans la France rurale: des façons de lire partagées? In: LADEFROUX, R.; PETIT, M.; GARDIEN, C-M. Lecteurs en campagnes. Paris: BPI, 1993. p. 109-203.

SARLO, Beatriz. Cenas da vida pós-moderna: intelectuais, arte e videocultura na Argentina. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2004.

STREET, Brian. Eventos de letramento e práticas de letramento: teoria e prática nos novos estudos do letramento.

In: MAGALHÃES, Izabel (Org.). Discursos e práticas de letramento. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2012. p. 69-92.

Publicado

2015-06-19

Como Citar

NOVAIS, C. A.; CARVALHO, G. T.; MACHADO, M. Z. V. Leituras de jovens de camadas populares: letramentos escolares e não escolares no campo. Revista da FAEEBA - Educação e Contemporaneidade, [S. l.], v. 24, n. 43, p. 199–209, 2015. DOI: 10.21879/faeeba2358-0194.2015.v24.n43.p199-209. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/faeeba/article/view/1327. Acesso em: 13 jun. 2024.