ANTÔNIO GRAMSCI E PAULO FREIRE

Peter Mayo

Resumo


Este artigo reúne dois dos personagens mais citados no debate sobre educação radical e educação de adultos: Antonio Gramsci e Paulo Freire. O primeiro influenciou o último e, as ideias de um não só provocam ecos, mas às vezes também complementam as do outro. Juntos, seus trabalhos fornecem sinais para uma pedagogia comprometida. O texto aborda a influência marxista que está subjacente aos seus respectivos pensamentos sobre a educação para a transformação social, a concepção da ideologia e os recursos de esperança situados em suas obras, particularmente com ênfase mergulhada no conceito de praxis; a filosofia e a pedagogia da práxis. Também é abordada a noção de uma pedagogia diretiva, em que os educadores, sem ser autoritários, têm autoridade.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.