MÚSICA E UNIDOCÊNCIA: PENSANDO A FORMAÇÃO E AS PRÁTICAS DE PROFESSORES DE REFERÊNCIA

Cláudia Ribeiro Bellochio, Vanessa Weber, Zelmielen Adornes de Souza

Resumo


O tema da educação musical na formação de professores não especialistas em Música, sobretudo em cursos de Pedagogia, associado aos modos de ação profissional unidocente, tem sido objeto de investigações de pesquisadores das áreas da Música e Educação, tanto no contexto nacional quanto internacional. Considera-se que a natureza do trabalho do professor que atua nos primeiros anos de escolarização é construída pela unidocência, a qual é complexa e agrega diferentes áreas para a potencialização do desenvolvimento dos estudantes. O objetivo deste artigo é discutir a unidocência e apresentar algumas compreensões com relação à formação e às práticas docentes desses professores. Para tanto, fazemos uma revisão de pesquisas que versam sobre a formação musical nos cursos de Pedagogia e, posteriormente, apresentamos parte de uma pesquisa, com base em narrativas de professoras dos anos iniciais do ensino fundamental, sobre seus modos de ser unidocente e a presença da Música em suas práticas docentes. Os resultados indicam que a educação musical está presente, com diferentes potencialidades, mas também limitações, na formação e nas práticas educativas de unidocentes. Assim, compreendemos a importância do estudo e aprofundamento das investigações, pensando na formação musical nos cursos de Pedagogia e na prática pedagógica do professor unidocente.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2017.v26.n48.p205-221

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


e-ISSN: 2358-0194

 Classificação Qualis CAPES:

 Educação - A2

  Indexadores:

       

      

   

      

 

  Localização dos Acessos:


 

  Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0