AÇÕES PEDAGÓGICAS REALIZADAS COM OS ESTUDANTES SURDOS EM SALAS DE AEE NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA

Luciana Costa Souza, Claudia Braga Maia

Resumo


O presente artigo tem como objetivo principal analisar as ações pedagógicas realizadas com os estudantes surdos em salas de AEE, tendo por base as diretrizes da Política Nacional da Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva - PNEEI, além de fundamentar-se nas ideias de Damázio (2007) e Quadros (2006). Além disso, busca também destacar a relevância do atendimento educacional especializado. A investigação de abordagem qualitativa constitui-se num estudo de caso que utilizou como instrumentos de coleta de dados a pesquisa bibliográfica e a análise documental. O estudo verificou em uma sala de AEE, no município de Feira de Santana, que o trabalho pedagógico realizado com estudantes surdos é voltado ao ensino da Libras e da Língua Portuguesa, visando diminuir as dificuldades na aprendizagem escolar apresentadas pelos alunos atendidos no AEE. A análise dos planos de aula, atividades e documentos norteadores do trabalho pedagógico realizado pelo docente pesquisado permitiram ver a importância do AEE como complemento ao trabalho realizado no ensino regular que ainda mostra-se, muitas vezes, despreparado para receber o aluno surdo.


Palavras-chave


Atendimento educacional especializado. Surdos. Ações pedagógicas.

Texto completo:

PDF

Referências


ALBUQUERQUE, Ednea Rodrigues de. Prática pedagógica inclusiva: um estudo de caso em escola com atendimento educacional especializado (AEE) em Jaboatão dos Guararapes-PE. 2014. 340 f. Tese de doutorado - Universidade Federal de Pernambuco. Disponível em: http://bdtd.ibict.br, acesso em 28/03/2019.

BRASIL. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília:MEC/SEESP, 2008. Disponível em: www.portal.mec.gov.br. Acesso em 08/03/2019.

BRASIL. MEC/ SEESP. Presidência da República. Decreto n. 7611, de 17 de novembro de 2011. Dispõe sobre a Educação Especial, o atendimento educacional especializado e dá outras providências. Brasília: 2011. Disponível em: http://portal.mec.gov..br. Acesso em 08/03/2019.

DAMÁZIO, Mirlene Ferreira Macedo. Atendimento Educacional Especializado: pessoa com surdez. SEESP, SEED, MEC: Brasília: 2007.

FERREIRA, Cleonice Bicudo da Rocha. Atendimento educacional especializado para pessoas com surdez. 2011. 66 f. Monografia da Especialização em Desenvolvimento Humano, Educação e Inclusão Escolar - Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil. Disponível em: http://bdm.unb.br/handle/10483/3333. Acesso em 06/07/2019.

SILVEIRA, Denise Tolfo; CÓRDOVA, Fernanda Peixoto. A Pesquisa científica. In: GERHARDT, Tatiana Engel; SILVEIRA, Denise Tolfo (orgs). Métodos de pesquisa. Porto Alegre: Editora UFRGS, 2009.

KASSAR, M; RABELO, A.S. O “especial” na educação, o atendimento especializado e a educação especial. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO ESPECIAL: PRÁTICA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO ESPECIAL: Multiplicidade do

atendimento educacional especializado, 6, 2011, Nova Almeida. Anais...Nova Almeida: EDUFES, 2011. Disponível em: http://ppeees.ufms.br/wp-content/uploads/2015/02/M%C3%B4nica-Kassar-E-Andressa-Rebel o-SNPEE.pdf, acesso em 18/06/2019.

MINAYO, Maria Cecília de Souza (Org.). Pesquisa Social: Teoria, Método e Criativiadade. Petrópolis - RJ: Vozes, 1994.

QUADROS, Ronice Müller de. Idéias para ensinar português para alunos surdos.

Brasília : MEC, SEESP, 2006.

SANTOS, David Kaique Rodrigues dos; SANTANA, Neemias Gomes. A formação do professor para a educação de surdos. In: MACEDO, Yuri Miguel; SANTOS, David Kaique Rodrigues dos; MAIA, Cláudia Braga (orgs.). Inclusão e Diversidade na Educação: desafios e possibilidades. Porto Seguro: Editora Oyá, 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista Encantar - Educação, Cultura e Sociedade

____________________________________________________________

Revista Encantar: Educação, Cultura e Sociedade

Pré-avaliação Qualis 2019: B2

Departamento de Ciências Humanas e Tecnologias – DCHT Campus XVII
Universidade do Estado da Bahia - UNEB
revistaencatar@gmail.com.br

 

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional