Divulgação científica em torno do palavrão: Uma análise da recontextualização do discurso sobre ciência na mídia impressa

  • Carlos Alexandre Molina Noccioli IFSULDEMINAS/UNESP
  • Cristiane Cataldi dos Santos Paes UFV
Palavras-chave: Análise do Discurso, Divulgação Científica, Representações Sociais, Tabu, Superinteressante.

Resumo

Este trabalho, ancorado no arcabouço teórico-metodológico da Análise do Discurso da Divulgação Científica e da Teoria das Representações Sociais, busca analisar o tratamento linguístico-discursivo de informações, dado pela mídia impressa brasileira, acerca de um tópico temático tradicionalmente visto como tabu. Para tanto, elegemos uma reportagem publicada na revista Superinteressante, que trata sobre conhecimentos científicos em torno do palavrão. Posteriormente, descrevemos e analisamos estratégias linguístico-discursivas utilizadas pelos jornalistas no processo de recontextualização das informações, destacando como o conhecimento em questão é representado socialmente ao se considerar a linha editorial da revista. Nesse sentido, a Superinteressante demonstrou-se fortemente associada à (re)produção do senso comum, intentando atrair a curiosidade do leitor, por meio da aproximação entre interlocutores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Alexandre Molina Noccioli, IFSULDEMINAS/UNESP
Professor efetivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas (IFSULDEMINAS); doutorando do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Humano e Tecnologias, na linha de pesquisa Tecnologias, Corpo e Cultura, pela Universidade Estadual Paulista (UNESP); mestre em Letras, na linha de pesquisa Estudos Discursivos, pela Universidade Federal de Viçosa (UFV); e graduado em Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa, pela mesma instituição. 
Cristiane Cataldi dos Santos Paes, UFV
Possui graduação em Letras (Licenciatura Português-Literatura) pela Universidade Santa Úrsula (1986), Especialização em Língua Portuguesa (1994) pela Universidade Federal Fluminense e Doutorado em Linguística pela Universidade Pompeu Fabra (2003). Atualmente é professora Adjunto III da Universidade Federal de Viçosa. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Portuguesa e Linguística, atuando principalmente nas áreas de pesquisa Gênero Discursivo, Mídia e Identidade, Linguística Aplicada: ensino-aprendizagem em línguas estrangeiras e materna e Análise do Discurso da Divulgação Científica.
Publicado
2018-04-08
Métricas
  • Visualizações do Artigo 478
  • PDF downloads: 1202
Seção
ARTIGOS