Jehová de Carvalho, o cronista (de) Salvador

  • Raimundo Dalvo Costa UNEB

Resumo

Este artigo consiste em recuperar a vida e obra do cronista baiano Jehová de Carvalho, na sua relação com a cidade de Salvador. Para melhor entendermos sua história e o seu olhar critico sobre o urbano, recorremos às crônicas publicadas nos jornais Diário de Notícias, A Tarde e ao livro A cidade que não dorme: crônicas noturnas de São Salvador da Bahia. O trabalho contempla leituras sobre a história da Bahia em livros e fontes primárias, que oferecem informações sobre as mudanças urbanas e sociais de Salvador (1940-1980), com a intenção de entender a metamorfose urbana e contextualizar os fatos narrados pelo cronista. 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-02-13
Métricas
  • Visualizações do Artigo 300
  • PDF downloads: 357
Seção
EXPEDIENTE