Redação Matemática

uma proposta para o desenvolvimento do raciocínio matemático

Autores

  • Tânia Pinto dos Santos Souza Centro Territorial de Educação Profissional do Litoral Norte e Agreste Baiano - CETEP

DOI:

https://doi.org/10.30620/gz.v6n2.p181

Palavras-chave:

Linguagem, Ensino de Matemática, Escrita Matemática, Resolução de Problemas

Resumo

O presente artigo tem por objetivo verificar se, no ensino de Matemática, a escrita é utilizada para o desenvolvimento do raciocínio bem como na de aquisição dos conteúdos e conceitos matemáticos. E de que forma, se é utilizada, pode produzir efeitos e sentidos na compreensão da linguagem matemática. Para fundamentar a pesquisa, buscaram-se referenciais teóricos relevantes da leitura e da escrita no ensino da matemática e construiu um breve histórico dos primeiros indícios da utilização dessa ciência na antiguidade. A abordagem metodológica é de cunho qualitativo por compreender atividades de investigação como um processo de percepção e explicação das relações sociais e sua dinâmica. Verificou-se que a leitura na sala de aula de Matemática é pouco utilizada e que a escrita dos conceitos e códigos matemáticos utilizados na resolução de problemas veiculados à língua portuguesa se torna indispensável.

[Recebido: 31 out. 2017 – Aceito: 4 dez. 2018]

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tânia Pinto dos Santos Souza, Centro Territorial de Educação Profissional do Litoral Norte e Agreste Baiano - CETEP

Possui graduação em Matemática pela Universidade do Estado da Bahia (1991), especialização em Programação de Ensino pela Faculdades Montenegro (2001), Especialização em Docência em Matemática pela AVM Faculdade Integrada(2014) e mestrado em Matemática pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (2015). Atualmente é Professor do Centro Territorial de Educação Profissional do Litoral Norte e Agreste Baia.

Referências

ALMEIDA, G. A Produção de Textos nas séries iniciais: Desenvolvendo as competências de escrita. 2 ed. Rio de Janeiro: Wak, 2006.

CUNHA, U. Leitura e escrita no ensino fundamental, (res) significando o trabalho com gêneros textuais. Bahia, Ed. 1, 2010.

GOULART, C. Letramento e polifonia: um estudo de aspectos discursivos do processo de alfabetização. Rio de Janeiro: n. 18, 2001.

MACHADO, N. Matemática e Língua Materna: analise de uma impregnação mútua. 5 ed. São Paulo: Cortez, 2001.

SOARES, M. Novas práticas de leitura e escrita: letramento na cibercultura. Campinas: v. 23, 2002.

STREET, B. Os novos estudos sobre letramento: histórico e perspectivas. Belo Horizonte: UFMG, 2010.

Publicado

2018-12-19

Como Citar

SOUZA, T. P. dos S. Redação Matemática: uma proposta para o desenvolvimento do raciocínio matemático. Grau Zero – Revista de Crítica Cultural, Alagoinhas-BA: Fábrica de Letras - UNEB, v. 6, n. 2, p. 181–194, 2018. DOI: 10.30620/gz.v6n2.p181. Disponível em: https://revistas.uneb.br/index.php/grauzero/article/view/6101. Acesso em: 13 abr. 2024.