FORMAÇÃO DO PROFESSOR: UM ESTUDO DA CONTRIBUIÇÃO DO PENSAMENTO DE HANS JONAS

  • Marineuza Matos dos Anjos
Palavras-chave: Formação, professor, pensadores, HANS JONAS

Resumo

A presente tese de doutorado toma como ponto de partida a reflexão sobre a beleza e a supremacia que representam o sublime ato de viver, de se constituir Ser neste imenso Universo, ainda tão pouco conhecido, fazendo o homem refletir sobre o privilégio que é ser parte dessa aventura terrestre. É nessa possibilidade de tornar- se Ser na imensidão do Universo, diante de um contexto contemporâneo, em que a Ciência e a Tecnologia impõem transformações capazes de mudar o agir humano que a pesquisa estabelece um diálogo com o pensamento de Hans Jonas, especialmente no tocante à precariedade da vida e da necessidade de um novo pensar sobre a ética, ressignificando o conceito de responsabilidade, sob uma nova matriz normativa para homens e mulheres deste novo tempo.Nessa perspectiva é fundamental compreender que o agir humano regido por uma ética normativa, orientada pelo imperativo categórico kantiano — ―aja de modo que o princípio de sua ação se torne universal‖ (JONAS, 2006, p. 18) — é objeto de análise na perspectiva da filosofia fenomenológica existencial, deriva da pura razão e, por desconsiderar a experiência ontológica do ser, parece não conseguir abarcar as questões que emergiram como resultado de um projeto de modernidade com consequências que não foram previstas até então nos cânones da ética

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-02-24
Métricas
  • Visualizações do Artigo 17
  • PDF downloads: 16