COVID-19 E VIDA IDOSA

Palavras-chave: Biopolítica, Covid-19, Envelhecimento, Vulnerabilidade biológica

Resumo

O texto objetiva contribuir para a compreensão do por que da pandemia da SARS Cov 2 travar o mundo capitalista, com base em tríplice recorte: a) – delineamento da vulnerabilidade biológica da população mundial frente à pandemia, com ênfase  na condição idosa, na descrição de um conjunto de afecções não transmissíveis, de predominância global e na desnaturalização do óbito, por Covid-19, na velhice; b) - análise da hipótese de que tais enfermidades resultam de racionalidades econômicas e políticas de base medicamentosa e alimentar, que conformam um tipo de governo populacional global, uma biopolítica da “saúde”; c) -  descrição do campo medicinal  compartido em: “medicina da doença”, que atua com cerca de dois terços da população;  “medicina da saúde”, com ação sobre, aproximadamente, um terço da população. Ambas com condição legal constituem domínios econômicos financeiros da economia mundial, duas linhas da medicina oficial implicadas na saúde como negócio. O texto articula metodologia quantitativa e qualitativa e tem suporte nas formulações teóricas de Michel Foucault.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Rodrigues dos Santos, Profesor na Universidade Estadual de Santa Cruz

Doutor em Educação pela Universidade Federal do Ceará. 

Referências

BESEDOVSKY, Luciana; LANGE, Tanja; HAACK, Monika. A interferência imune ao sono na saúde e na doença. Physiol. Rev, julho, 99 (3) 2019.

BRASIL/MS/INCA. Estatística de câncer. 2020, Disponível em: https://www.inca.gov.br/numeros-de-cancer Acesso em 26.05.2020.

_______. MS.SVS. Boletim Epidemiológico Especial COE COVID 19, N.17, 2020.

_______. Panorama da vigilância de doenças crônicas não transmissíveis no Brasil, 2018. Boletim Epidemiológico, Volume 50, Nº 40, Dez. 2019. Disponível em: https://www.saude.gov.br/images/pdf/2020/janeiro/16/Boletim-epidemiologico-SVS-40-v2.pdf Acesso em 23.05.2020.

DAVID, S. J. História em crise: lições para Covid-19. NEJM. 2020. Disponível em: https://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMp2004361?query=featured_coronavirus
Acesso em: 18.05.2020.

ESCOBAR, Pepe. Controle de solo para o planeta quarentena: isto é apenas um teste. Disponível em: https://www.brasil247.com/blog/do-controle-de-solo-para-o-planeta-quarentena-isto-e-apenas-um-teste Acesso em 05.05.2020.
Foucault, Michel. Em defesa da sociedade. Curso no Collège de France, (1975-1976). São Paulo: Martins Fontes, 2002.

_______. Verdade e poder. Entrevista com Alexandre Fontana. In: MACHADO, Roberto. A Microfísica do poder. Rio de Janeiro: Brasiliense, 1979.

_______. Segurança, território e população. São Paulo: Martins Fontes, 2008.

FID. Atlas de la Diabetes de la FID. 2019. Disponível em: www.diabetesatlas.org Acesso em 18. 04.2020.

OPAS. Folha informativa: Câncer. 2018. Disponível em: https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5588:folha-informativa-cancer&Itemid=1094 Acesso em 26.05.2020.

_______. Doenças Cardiovasculares. Disponível em:
https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5253:doencas-cardiovasculares&Itemid=1096 Acesso em 23.05.2020.

Portugal/Iasaude. Obesidade: Pandemia Mundial do Século XXI. S/D. Disponível em: http://www.iasaude.pt/index.php/informacao-documentacao/recortes-de-imprensa/1250-obesidade-pandemia-mundial-do-seculo-xxi Acesso em 26.05.2020.
DERAM, Sophie. Doenças crônicas. https://www.sophiederam.com/br/bem-estar/quais-sao-doencas-cronicas/

FAUCI, Anthony S.; LANE, H. Clifford; REDFIELD, Robert R. Covid-19 — Navigating the Uncharted. NEJM. Org. Editor’s Note, 2020. Disponível em: https://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMe2002387 Acesso em: 20.05.2020.

JAVAHERI, Ali, DIWAN, Abhinav. Não aos lisossomos: um sinal para a resistência à insulina na obesidade. Cell Mol Gastroenterol Hepatol. 2019; 8 (1): 153-154. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC6599106/ Acesso em: 20.03.20

MERCOLA, Joseph. Jejum intermitente em vez de insulina para diabetes tipo 2. 2020. Disponível em: https://portuguese.mercola.com/sites/articles/archive/2020/05/19/o-jejum-e-apropriado-para-diabeticos.aspx Acesso em 25.05.2020.

ONRAM, Abdel. The Epidemiologic Transition: A Theory of the Epidemiology of Population Change.

PILZER, Paul Zane. O próximo trilhão. Network Marketing Lifestyles Magazine – Aug. 2001.
POAS. Folha informativa – COVID-19. Disponível em https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=6101:covid19&Itemid=875 Acesso em 24.05.2020.

RIBEIRO, Lair. O grande livro da saúde natural: 73 segredos da cura sem remédios. São Paulo: Jolivi, 2018.

SBH. 7 Diretrizes brasileiras Hipertensão Arterial. Rio de janeiro: RBHA, 2017; VOL.24(1):12-7

URONAL, Zarcan. Dr. Uronal Zancan, contato@uronalzancan.com 26.03.2020.

TEIXEIRA, Luiz e ALVES, Luiz. Ciência, saúde e doenças emergentes: uma história sem fim. Agência FioCruz, 2020.

THOMAS, Jane de Lima. A pandemia como professor: forçando os médicos a habitar a experiência de doenças graves. NEJM. Org. 20.05.2020. Disponível em: https://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMp2015024?query=recirc_top_ribbon_article_1 Acesso em 21.05.2020.

WANNMACHER, Lenita. Obesidade como fator de risco para morbidade e mortalidade: evidências sobre o manejo com medidas não medicamentosas. OPAS\OMS. Vol. 1, Nº 7 Brasília, maio de 2016.

WHO. World health statistics 2018: monitoring health for the SDGs, sustainable development goals. Disponível em: https://apps.who.int/iris/bitstream/handle/10665/272596/9789241565585-eng.pdf?ua=1
Publicado
2020-12-30
Métricas
  • Visualizações do Artigo 147
  • PDF downloads: 93
Como Citar
SANTOS, P. R. DOS. COVID-19 E VIDA IDOSA. Diálogos e Perspectivas Interventivas, v. 1, p. e10485, 30 dez. 2020.
Seção
Dossiê Temático