Aspectos das identidades angolanas: pequena análise comparativa

  • Paula Faccini de Bastos Cruz Universidade Federal Fluminense -UFF
Palavras-chave: Angola, identidade, Resiliencia, vulnerabilidade, História comparada, Cinema

Resumo

Este artigo foi escrito a partir de um estudo comparativo entre textos, pretendendo, através dessa intertextualidade, contribuir para a compreensao dos elementos que permitam e estão permitindo a construção de identidades em Angola. em minha tese de doutoramento procuro, recorrendo ao estudo de filmes produzidos nesse país, perceber como os angolanos se compreendem como sujetios nacionalizados; como nessas obras pode-se analisar tanto a vulnerabilidade dessa sociedade quanto  sua capacidade de resiliencia; como eles se nomeiam e se identificam dentro de um mundo globalizado. portanto, o texto, aqui apresentado, é um pequeno resultado de parte desse exercício. podemos perceber que alguns traços, ainda presentes na constituição das identidades angolanas, são vestígios  da época dos primeiros contatos com o Ocidente, do entendimento que os europeus tiveram das populações  que lá encontraram, e das imposiçoes estabelecidas no processo de dominação colonial. para enriquecer esta verificação, estabelecer inferêcias a partir dos estudos de Todorov sobre a conquista da América, mais exatamente, sobre como os espanhóis perceberam os índios. Confrontando ambos os processos de dominação, encontrei importantes similitudes que nos ajudam a compreender o porcesso análogo vivido em Angola.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-06-06
Seção
Artigos