APROXIMAÇÕES ENTRE O TEXTO FALADO E O TEXTO ESCRITO (LITERÁRIO): A CONSTRUÇÃO DA ORALIDADE EM “CORAÇÃO DE MÃE” DE RUBEM BRAGA

  • Carolina dos Santos Rocha
  • Maria José Gordo Palo

Resumo

Tendo como ideal a objetividade, o texto escrito pode, principalmente na modalidade literária, aproximar-se do texto oral, por meio de recursos textuais como a pausa, tópicos, subtópicos e digressões. Este artigo investiga estas aproximações apresentando em análise a crônica “Coração de mãe” de Rubem Braga publicada na antologia Morro do Isolamento. Apresentamos suporte teórico que discute as duas modalidades, o texto falado e o texto escrito literário e, entre as referências, destacamos, Dino Preti e Hudinilson Urbano.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Métricas
  • Visualizações do Artigo 261
  • PDF downloads: 829