Alfabetização de adultos: o sentido da escrita em uma comunidade com predominância oral

Ivete Silveira

Resumo


Este artigo tem por objetivo responder à pergunta: qual o sentido da escrita para adultos não alfabetizados que pertencem a uma comunidade de predominância oral? A construção dessa resposta é formulada a partir do recorte da dissertação intitulada Usos funcionais da escrita na história de vida dos atores de EJA da Escola Municipal de Bananeiras/Ilha de Maré – Salvador/BA, defendida no âmbito do Programa de Pós-Graduação em Educação e Contemporaneidade, da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), em setembro de 2010. Para responder a essa pergunta, seguimos uma organização textual que parte da descrição da comunidade de Bananeiras, traçando-lhe um perfil etnográfico e, em seguida, discorremos sobre o caminho percorrido, com ênfase na Análise do Discurso de tradição francesa, dispositivo empregado para a análise do material de linguagem coletado. A partir da análise dessa coleta, trazemos o sentido da escrita atribuído pelos adultos não alfabetizados, categorizando esses sentidos em forças mobilizadoras em sentido amplo e forças mobilizadoras em sentido restrito. Antes disso, porém, distinguimos letramento autônomo e letramento ideológico, e práticas de letramento e evento de letramento com o intuito de relacioná-los aos sujeitos-educandos e ao contexto sociocultural de Bananeiras. Nas Considerações Finais, evidenciamos que os educandos e as educandas revelaram, e desvelaram, que o sentido atribuído à escrita é o sentimento de pertença à sociedade grafocêntrica pela qual transitam.


Palavras-chave


EJA; Alfabetização de Adultos; Análise do Discurso; Letramento; Sentidos da Escrita.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

ISSN 2317-6571

ESTA REVISTA ESTÁ INDEXADA EM:

DIADORIM, PORTAL SEER, Periódicos CAPESDOAJ, JournalTOCs, CREFAL - Recursos Especializados en EPJA, Latindex

 

QUALIS B1 em Ensino

QUALIS B2 em Educação

QUALIS B3 em Planejamento Urbano e Regional/Demografia

QUALIS B3 em Interdisciplinar

QUALIS B5 em Comunicação e Informação

A Revista Brasileira de Educação de Jovens e Adultos é uma publicação do Grupo de Pesquisa Cultura, Currículo e Políticas na Educação de Jovens e Adultos - CULT-EJA.

VISITANTES:  contador de acessos