ENTRE UMA APRENDIZAGEM OU O LIVRO DOS PRAZERES E ÁGUA VIVA:

UM DIÁLOGO POSSÍVEL

Palavras-chave: modernismo, Clarice Lispector, estrutura social, análise comparada

Resumo

A ideia motriz desse trabalho consiste em fazer uma análise comparada entre as obras Uma aprendizagem ou O livro dos prazeres (1969) e Água Viva (1973), da escritora Clarice Lispector, revelando, a partir das teorias de Auerbach (2013), Elias (1994), Nunes (1969/ 1995), Teixeira (2011) e estudos filiados, a estrutura social velada que se engaja na terceira fase do modernismo brasileiro e permanece até os dias atuais como pano de fundo às produções literárias. Nosso objetivo é estabelecer um possível diálogo entre as duas obras, com base na formação das personagens, como elas se imbricam em narrativas diferentes e esteticamente opostas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ADORNO, Theodor W. Posição do narrador no romance contemporâneo. In: _____. Notas de Literatura I. São Paulo: Duas Cidades: Editora 34, 2003.p.55-63.

ANDRADE, Mário de. Macunaíma. Rio de Janeiro: Agir, 2007.

AUERBACH, Erich. Mimesis: a representação da realidade na literatura ocidental. São Paulo: Perspectiva, 2013.

ÁVILA, Afonso. O modernismo. São Paulo: Editora perspectiva, 2002.

BACHELARD, Gaston. A poética do espaço. Tradução de Antonio de Pádua Danesi – 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2008.

BAKHTIN, Mikhail. Estética da criação verbal. Tradução de Paulo Bezerra. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

CANDIDO, Antonio. Brigada ligeira e outros escritos. São Paulo: Editora da Universidade Estadual Paulista, 1992.

________. Literatura e sociedade. Rio de Janeiro: Ouro sobre azul, 2006.

ELIAS, Nobert. A sociedade dos indivíduos. Rio de Janeiro: Zahar, 1994.

LISPECTOR, Clarice. A paixão segundo G.H. Rio de Janeiro: Rocco, 2009.

_____. Uma aprendizagem ou O livro dos prazeres. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

_____. Água Viva. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

_____. Um sopro de vida. Rio de Janeiro: Rocco, 1999.

_____. A maçã no escuro. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

LUKÁCS, Georg. A teoria do romance: Um ensaio histórico filosófico sobre as formas da grande épica. São Paulo: Duas Cidades; Editora 34, 2009.

NASIO, Juan David. Introdução às obras de Freud, Ferenczi, Groddeck, Klein, Winnicott, Dolto, Lacan. Tradução de Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Zahar, 1995.

NUNES, Benedito. O dorso do tigre. São Paulo: Perspectiva, 1969. (Debates)

_____. O drama da linguagem: uma leitura de Clarice Lispector. São Paulo: Ática, 1995.

SANTOS, Jeana Laura da Cunha. A estética melancólica em Clarice Lispector. Florianópolis: Ed da UFSC, 2000.

SILVA, Ana Beatriz Barbosa. Sorria, você está sendo filmado. São Paulo: Editora Gente, 2004.

ROSENFELD, Anatol. Reflexões sobre o romance moderno. In: _____. Texto/Contexto. São Paulo: Editora perspectiva, 1973.

TEIXEIRA, Mona Lisa Bezerra. O orvalho áspero de Clarice Lispector. João Pessoa: Ideia, 2011.
Publicado
2021-12-20
Métricas
  • Visualizações do Artigo 14
  • PDF downloads: 11