LER E ESCREVER NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: O TRABALHO COM O GÊNERO TEXTUAL “RELATO DE EXPERIÊNCIA” EM UMA ESCOLA PÚBLICA NA BAHIA.

  • Juliana Nascimento Muniz Estudante do curso de Especialização em Alfabetização e Letramento - FACED/UFBA. Mestre em Letras - UESB/Bahia. Licenciada em Letras - UNEB, Campus XX. Professora da Rede Municipal de Brumado, Bahia.
  • Handherson Leyltton Costa Damasceno FACED/UFBA/UAB

Resumo

O trabalho narra uma vivência na qual a sequência didática se constituiu um recurso pedagógico para o trabalho com o gênero textual “relato de experiência”, desenvolvido em uma turma de estudantes da Educação de Jovens e Adultos em contexto analfabetismo, em uma escola pública no interior da Bahia. Para tanto, discute a pertinência de se utilizar as experiências dos sujeitos da EJA como elementos de ampliação dos saberes acadêmicos e trata a importância de cada vez mais oportunizar que estes indivíduos experimentem situações reais de uso da escrita e da leitura como práticas sociais. Dessa forma, as atividades despontaram como caros momentos nos quais o sujeito da EJA foi colocado no lugar de protagonista e todas as suas experiências de vida, bem como o seu direito à fala, foram utilizados como mecanismos de ampliação de saberes e, como resultado, ampliou-se a autoestima, a visão positiva de si e potencializou a sua atuação no ambiente no qual estava inserido.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Handherson Leyltton Costa Damasceno, FACED/UFBA/UAB

Doutorando e Mestre em Educação - FACED/UFBA. Professor do curso de Especialização em Alfabetização e Letramento – FACED/UFBA/UAB. Membro do Grupo de Pesquisa Laboratório de Tecnologias Informacionais e Inclusão Sociodigital. LTI/CNPq/UFBA.

Publicado
2019-11-05
Métricas
  • Visualizações do Artigo 121
  • PDF downloads: 454