ELABORAÇÃO DE CONCEITOS: UMA PROPOSTA DE APLICAÇÃO DO MODELO DE DESIGN DE PERSONAGENS PARA HQ EM SALA DE AULA

  • DANILO SÉRGIO CAMPOS DIAS
Palavras-chave: Personagem, Character Design, Taxonômia, Projeto HQ/K-Lab

Resumo

Este texto analisa etapas do processo de criação de personagens para Histórias em Quadrinhos e outras mídias, e apresenta um modelo de concepção exemplificado na criação de dois personagens destinados à terceira parte da franquia transmidiática Kimera - Cidades Imaginárias, cuja narrativa está contextualizada no gênero de ficção fantástica e ambientada na cidade de Salvador (Bahia). O objetivo do estudo é compilar e ordenar as propostas já existentes em um único modelo de análise taxonômica, a fim de contrapor os estereótipos e paradigmas já convencionados e que não representam atualizações diante das perspectivas sociais e acadêmicas que se estabelecem nesse século XXI. Tal compilação justifica-se, visto que, embora bem estruturados e localizados contemporânea e socialmente, os personagens que compunham a fase inicial da franquia Kimera foram questionados em sua aparência por um significativo grupo de estudantes durante os desdobramentos da terceira fase nas escolas da rede pública em Salvador. Nesse sentido, a criação de outros dois personagens, seguindo o modelo proposto e as sugestões dos estudantes, oferece um exemplo consistente para a manutenção do design de personagens, bem como para o combate vigilante aos estereótipos. Para tanto, foi empregada metodologia de revisão bibliográfica, visando o levantamento de obras anteriores que abordam as etapas e os processos de criação e concepção de personagens. Dentre as publicações que se referem especificamente ao tema, selecionam-se Lima e Meurer (2010) e Poubel, Valente e Garone (2012) dos quais desdobra-se o modelo proposto nesse estudo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-08-30
Métricas
  • Visualizações do Artigo 47
  • PDF downloads: 27
Seção
Categoria I: Pesquisadores da Graduação e Pós-graduação