Poéticas orais no Norte e a Quarta Morada do rei Sebastião

Fernando Alves da Silva Júnior, Sônia Moraes do Nascimento

Resumo


Este artigo pretende discutir a presença do rei Sebastião no Norte do país, especificamente em Viseu/PA, a partir das poéticas orais que circulam pela região. A metodologia de pesquisa segue os pressupostos de Alberti (2005), Brandão (2007), Geertz (1989, 2009) e Oliveira (2006). Os teóricos que abordam o tema são: Braga (2001), Maués (1990, 2005), Pereira (2008), Santos (2009), Silva (1993), Silva (2010) e Souza (1999). O objetivo desta pesquisa é problematizar a presença do sebastianismo na Pedra do Gurupi em Viseu (PA) como a Quarta Morada de Dom Sebastião no Norte, conforme atesta os relatos orais colhidos para este trabalho.

Palavras-chave


Sebastianismo; Viseu; Poéticas Orais; Quarta Morada

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

TABULEIRO DE LETRAS | Revista do Programa de Pós-Graduação em Estudo de Linguagens da Universidade do Estado da Bahia (PPGEL - UNEB) | ISSN 2176-5782