A memória de uma mestra: trilhas de um pensamento pedagógico

Adrianne Ogêda Guedes, Iduina Mont'Alverne Braun Chaves

Resumo


Este trabalho apresenta a memória e o ideário pedagógico de uma mestra.  É um estudo da sua trajetória como educadora com vistas a apreender as ideias-força, a forma como elas foram se construindo e se constituindo ao longo do tempo, a presença das questões que circulavam nos diferentes tempos históricos vividos  por ela e a potencialidade de sua atuação. Articulando as questões que a mobilizavam, à sua história profissional e à sua prática pedagógica, foi possível identificar a marca da relação mestre e aprendiz  como a sabedoria e a arte do mestre em se reconhecer no aprendiz, e ainda se reconhecer um aprendiz. O referencial teórico-metodológico se fundamenta na epistemologia da complexidade  e na pesquisa narrativa. Toda a sua obra ressalta a necessidade de agirmos contra a barbárie, convocando a educação a constituir-se como uma promotora da solidariedade, do sentimento de pertença nos estudantes, no exercício da escuta e do diálogo, no acolhimento e no estabelecimento de relações pautadas pelo amor e pelo afeto. Envolvimento num processo formativo que se desenvolve pelo cultivo de almas.


Palavras-chave


Memória; Narrativa; Ideário Pedagógico; Imaginário

Texto completo:

PDF

Referências


ARAÚJO, Alberto Filipe. Educação e imaginário: da criança mítica às imagens da infância. Maia, Portugal: Instituto Superior da Maia, 2004.

BOSI, Ecléa. Memória e sociedade, lembranças de velhos. São Paulo: Companhia das letras, 2003.

BOSI, Ecléa. O tempo vivo da memória, ensaios de psicologia social. São Paulo: Ateliê Editorial, 2004.

BUENO, Belmira Oliveira.; CATANI, Denice Barabara; SOUSA, Cynthia Pereira (Org.). A vida e o ofício dos professores: formação contínua, autobiografia e pesquisa em colaboração. São Paulo: Escrituras, 2003.

CÍCERO, Antônio. Guardar. In: Guardar: poemas escolhidos. Rio de Janeiro, RJ: Record, 1996.

CHAVES, Iduina Mont´Alverne Braun. A pesquisa narrativa: uma forma de evocar imagens da vida de professores. In: TEIXEIRA, Maria Cecilia Sanchez (Org.). Imagens da cultura: um outro olhar. São Paulo: CICE/FEUSP, 1999. p. 121-138.

CHEVALIER, Jean; GHEERBRANT, Alain. Dicionário de símbolos: (mitos, sonhos, costumes, gestos, formas, figuras, cores, números). Rio de Janeiro: José Olympio, 1994.

DURAND, Gilbert. A imaginação simbólica. São Paulo: Cultrix/EDUSP, 1988.

DURAND, Gilbert. Campos do Imaginário. Textos reunidos por Danielle Chauvin. Lisboa: Instituto Piaget, 1989.

DURAND, Gilbert. O imaginário, Ensaio a cerca das ciências e da filosofia da imagens. Rio d Janeiro; DIFEL, 2004.

FOUCAULT, Michel. Microfisica do poder. 8a ed., Rio de Janeiro: Graal, 1989.

FREIRE, P. Pedagogia da esperança. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2004.

GALEANO, Eduardo. As Palavras Andantes. Porto Alegre: L&PM, 1994.

GUEDES, Adrianne Ogêda. Uma mestra da palavra: ética, memória, poética e (com)paixão na obra de Célia Linhares. 2008, 426f. Tese (Doutorado em Educação) – Pós-graduação em Educação, Universidade Federal Fluminense, Niterói, RJ, 2008.

HAMELINE, Daniel. L’Éducation, ses images et son propos. Paris: Éditions ESF, 1986.

JOSSO, Marie-Christine. Experiências de vida e formação. São Paulo: Cortez, 2004.

LEMINSKI, Paulo. Distraídos venceremos. São Paulo: Companhia das Letras, 1987.

LINHARES, Célia Frazão. O poder das expectativas e o self. Revista da Faculdade de Educação. Vo. 3, n. 3, p. 15-25, Niterói : EdUFF, 1972.

LINHARES, Célia Frazão. Introdução a ontologia da criatividade, ensaio de filosofia educacional sob a metodologia fenomenológica. 1974, 110f. Tese (livre Docência). Universidade Federal Fluminense (UFF), Niterói, RJ, 1974.

LINHARES, Célia Frazão. La Identidad Cultural y el processo de Educacion em La América Latina. 1983, 210f. Tesis (Doctorado en Ciencias de la Educación), Facultad de Filosofia y Letras, Universidad Nacional de Buenos Aires, Buenos Aires, 1983.

LINHARES, Célia Frazão. Escola Balaia: um convite ao debate para a reinvenção de Caxias. Caxias: Editora Caburé, 1999.

LINHARES, Célia Frazão. As coisas findas, elas ficarão? Rio de Janeiro: mimeo, 2007.

MORIN, Edgar. A inteligência da complexidade. São Paulo: Edição Peirópolis, 1997.

MORIN, Edgar. Amor, poesia e sabedoria. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1998.

MORIN, Edgar; LE MOIGNE, Jean Louis. A inteligência da complexidade. São Paulo: Peirópolis, 2007.

RICOEUR, Paul. O conflito das interpretações: ensaios de hermenêutica. Rio de Janeiro: Editora Imago, 1969.




DOI: http://dx.doi.org/10.31892/rbpab2525-426X.2020.v5.n13.p178-193

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexadores: 

 

 

Portal SEER

Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica - RBPAB - Qualis A4 Educação

 A Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica é publicada sob a licença Creative Commons de  Atribuição-NãoComercial CC BY-NC

  Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0