A ESPETACULARIZAÇÃO DO VERDE COM O CINEMA DOCUMENTÁRIO: A IMAGEM PRODUZIDA PELO MOVIMENTO SOCIAL AMBIENTAL

Iêda Rodrigues da Silva Balogh

Resumo


Este estudo leva contribuições para o campo de estudo dos movimentos sociais, sustentabilidade ambiental e sociologia da arte, sob o viés da compreensão da maneira como os novos movimentos sociais ambientalistas são representados nos documentários produzidos por eles e sobre eles para fins de mobilização social. Foi direcionado, por conta da natureza do objeto em estudo, para o campo qualitativo, com análise de conteúdo dos material pesquisado. É um estudo de caráter inicial sobre a temática, portanto, o que apresentamos aqui são as primeiras impressões, logo, temos a certeza que muitas indagações que surgiram e surgirão no processo, serão direcionadas para a evolução da pesquisa. 

Palavras-chave


Movimentos Sociais; Greenpeace; Documentários

Texto completo:

PDF

Referências


BABBIE, Earl. Métodos de Pesquisas de Survey. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2001, 519 p.

BAUER, M. W.; GASKELL, G. Pesquisa Qualitativa com Texto, Imagem e som. Petrópolis: Vozes, 2003.

BENJAMIN, Walter. A obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica. Porto Alegre: L&PM, 2013.

CÂMARA, Antônio da Silva; JESUS, Altair de. O marxismo e a arte cinematográfica. Anais do 5º Colóquio Internacional. Novembro/2007. www. Acesso em: 28/09/2014.

CÂMARA, Antônio da Silva . Et all. A Sociologia da Arte e as Representações Sociais no Cinema Documentário. XV Congresso Brasileiro de Sociologia, Dez/2009. www.olhodahistória.org/n13/artigo . Acesso em: 28/09/2014.

CARROLL, Noel. Ficção, não-ficção e o cinema da asserção pressuposta: uma análise conceitual. In: RAMOS, Fernão Pessoa (Org.). Teoria Contemporânea do Cinema: Documentário e narratividade ficcional. São Paulo,SP: Editora Senac, 2005.

CASSIANO, A. M. Ativismo a partir das redes sociais. revistas.unisinos.br/article/view/5792 . Acesso em: 23/07/2014 .

CASTELLS, M. A sociedade em rede. Vol I , São Paulo, SP: Paz e Terra, 1999.

CASTELLS, Manuel. O Poder da Identidade. Vol II, São Paulo, SP: Paz e Terra, 2013.

FERREIRA, Z. N. D. Telas “Verdes”: A Temática Ambiental na TV e no Cinema. Encontro Nacional de História da Mídia. Ago/2009. www.ufrgs.br/alcar/encontros-nacionais . Acesso em: 22/09/2014.

GARDIES, René. Compreender o Cinema e as Imagens. Lisboa: Edições Texto e Grafia, 2007.

GONH, Maria da Glória. Teoria dos Movimentos Sociais: paradigmas clássicos e contemporâneos. São Paulo, SP : Edições Loyola, 1997.

JOLY, Martine. Introdução à análise da imagem. Campinas, SP: Papirus, 2004.

LUKACS, Georges. Estética I. Barcelona: Grijalbo, 1982.

MACEDO, R. S. A etnopesquisa crítica e multireferencial nas ciências humanas e na educação. Salvador: EDUFBA, 2000, 297 p.

MARX, Karl. Contribuição à Crítica da Economia Política. São Paulo: Martins Fontes, 1977.

MARZOCHI, Samira Feldman. Greenpeace: mundialização e política. Rio de Janeiro: Beco do Azogue, 2013, 424 p.

NEVEU, ERIC. Médias, mouvements sociaux, espaces publics. In Medias e Mouvement Soicais. Reaseau, vol 17, Nº 98. Hermes. Paris. 1999. p. 17-86.

NICHOLS, Bill. A voz do documentário. In: RAMOS, Fernão Pessoa (Org.). Teoria Contemporânea do Cinema: Documentário e narratividade ficcional. São Paulo,SP: Editora Senac, 2005.

ODIN, Roger. A questão do público: uma abordagem semipragmática. In: RAMOS, Fernão Pessoa (Org.). Teoria Contemporânea do Cinema: Documentário e narratividade ficcional. São Paulo,SP: Editora Senac, 2005.

OLIVEIRA, R. O. L. de. Cineclube Caravelas: uma reflexão sobre o cinema no âmbito dos movimentos sociais. www.pucposcom-rj.com.br/poscom-2012-2/. Acesso em: 25/08/2014.

PENAFRIA, Manuela. “Análise de Filmes – conceitos e metodologia(s)”. VI Congresso SOPCOM, Abril 2009. . Acesso em: 03/09/2014

RAMOS, Fernão Pessoa. Mas afinal... O que é mesmo Documentário? São Paulo,SP: Editora Senac, 2013.

RAMOS, Fernão Pessoa (Org.). Teoria Contemporânea do Cinema: Documentário e narratividade ficcional. São Paulo,SP: Editora Senac, 2005.

RODRIGUES, Flávia Lima. Uma breve história sobre o cinema documentário brasileiro. CES Revista. V.24. Juíz de Fora, 2010. www.cesjf.br/revistas. Acesso em: 17/08/2014.

TARROW, Sidney. “Introdução”; “Confronto político e movimentos sociais” In: O poder em movimento: movimentos sociais e confronto político. Petrópolis: Vozes, 2009.

TILLY, Charles. Os movimentos sociais como política. Revista Brasileira de Ciência Política. nº3, Brasília, janeiro-julho, 2010, pp.133-160.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 Base de Indexadores: