UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA-UNEB/DEDCX: uma experiência de Estágio Curricular Supervisionado em Letras da Terra na perspectiva dos discentes

Josinéa Amparo Rocha Cristal, Maria Mavanier Assis Siquara

Resumo


Este artigo tem como objetivo sistematizar e socializar parte da experiência de Estágio Supervisionado III no Curso Letras da Terra e a perspectiva desse trajeto pelos discentes. Esse curso nasceu do desejo coletivo de educadores de áreas de assentamentos de reforma agrária que solicitaram da Universidade do Estado da Bahia-UNEB a formação universitária. A reivindicação foi atendida pelo Departamento de Educação - Campus X. De modo que para o desenvolvimento do curso assumem a UNEB e o Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (PRONERA). Esse trabalho teve como docentes: Josinéa Amparo Rocha Cristal e Maria Mavanier Assis Siquara. A questão que nos impeliu a este registro foi o interesse em perceber o que e como o referido estágio contribuiu na formação dos educandos de Letras da Terra pelo olhar desses discentes. Com tal propósito tomamos uma amostra de vinte relatórios de Estágio, que numerados em ordem crescente, foram selecionados para análise os de número par como registro individual da prática docente de Estágio Supervisionado. Na fundamentação deste trabalho apoiamo-nos em Antunes (2003; 2009), Bolzan (2009), Freire (2011), Fávero (1996) e Pimenta, Anastasiou (2011), Pimenta e Lima (2012), Nogueira (1995) e  Zabalza (2008). O texto organiza-se a partir de uma breve menção histórica sobre a UNEB/ DEDCX na função formadora de educadores, em seguida apresenta-se a importância da prática de estágio supervisionado para a formação docente pelo olhar do discente-estagiário. O resultado desse trabalho apresenta por parte dos educandos de Letras da Terra uma concepção de estágio como um processo de formação crítica e de possibilidades de ensino com pesquisa.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.