Símbolos e cultura nos contos afro­brasileiros de Mestre Didi

Antonio Marcos dos Santos Cajé

Resumo


Resumo: Pretendemos, com este trabalho, apontar e interpretar o papel dos símbolos e signos através da visão cultural dos contos de Mestre Didi. Entretanto, não se trata de símbolos que estão ocultos nas narrativas dos contos, mas de elementos intrínsecos a elas,que se investem de valores simbólicos para a cultura ea história. A motivação que instigou a construção tanto deste artigo como da pesquisa subjacente foi o interesse em relação aos elementos dos contos nas ações populares das tradições orais que surgem, conforme a leitura, no discurso narrativo da obra de Mestre Didi. O sistema simbólico permite abarcar osolhares epistemológicos e o senso comum pelos quaisestes símbolos e signos trazem representações do inconsciente coletivo de um povo.

Palavras-chave: Cultura afro­brasileira. Símbolos. História. Tradição.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Grau Zero - Revista de Crítica Cultural
(Organizada pelo PÓS-CRÍTICA)

Publicação Semestral

ISSN 2318-7085

 

INDEXADORES

 

 

 


FOMENTO/FINANCIAMENTO