PRÁTICA, BIOGRAFIA E CONSTRUÇÕES TEÓRICAS EM EDUCAÇÃO INFANTIL: UM CURRÍCULO BRINCANTE

Ana Paula Conceição, Roberto Sidnei Macedo

Resumo


O presente artigo argumenta sobre o entretecimento num contexto de Educação Infantil entre práxis, biografia, pesquisa e construção teórica. Abordando a brincadeira como mediação e experiência em Educação Infantil, o texto faz com que esses entretecimentos ofereçam pautas reflexivas sobre o que denominamos de um currículo brincante. Nessa itinerância biográfica, teórica e heurística, a argumentação engendrada vai explicitando como a brincadeira no currículo da educação de crianças qualifica de maneira significativa esta educação, ampliando suas ressonâncias para a formação da infância, como uma condição própria dessa fase de desenvolvimento. É com esse conjunto de argumentos que o artigo explicita conclusivamente sobre a necessidade de se pensar e praticar currículos “brincantes” em Educação Infantil


Palavras-chave


Educação infantil. Brincadeira. Currículo brincante.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2018.v27.n51.p121-132

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


e-ISSN: 2358-0194

 Classificação Qualis CAPES:

 Educação - A2

  Indexadores:

       

      

   

      

 

  Localização dos Acessos:


 

  Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0