ALFABETIZAÇÃO DE CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA E REDUÇÃO DAS DESIGUALDADES NO ÂMBITO DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA

Elci Schroeder Lucachinski, Celso Francisco Tondin

Resumo


A pesquisa objetivou analisar a relação entre alfabetização e redução das
desigualdades escolares e sociais no que tange à orientação da prática pedagógica com alunos com deficiência, no âmbito da formação propor-cionada pelo Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC). Trata-se de estudo de caso realizado na rede municipal de ensino de Chapecó-SC, com base em consulta a documentos e realização de entrevistas semiestruturadas com professoras participantes desse
programa. Os dados foram tratados a partir da análise de conteúdo temática, aliada à hermenêutica dialética. Os documentos orientam a alfabetização desses alunos à medida que preconizam o atendimento das necessidades educacionais, compreendidas como diversidade e diferença, de todos os alunos. Para as professoras, a alfabetização contribui para a redução das desigualdades, porém há diferenças nos
modos de compreendê-las. A maioria delas entende que as desigualda-des decorrem dos próprios indivíduos e, no caso da deficiência, da condição biológica; e algumas delas referem a participação do contexto escolar e social na construção delas, embora isso não seja feito de um modo crítico. Apontamos a formação de professores integralmente orientada, com base na teoria histórico-cultural, como estratégia de
redimensionamento da prática pedagógica do professor alfabetizador em direção à inclusão escolar de todos os alunos.


Palavras-chave


Deficiência. Alfabetização. PNAIC. Desigualdades. Diversidade.

Texto completo:

PDF

Referências


ARROYO, Miguel Gonzalez. Políticas educacionais e desigualdades: à procura de novos significados. Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 113, p. 1381-1416, out./dez. 2010.

______. Políticas educacionais, igualdade e diferenças. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação (RBPAE), Porto Alegre, v. 27, n. 1, p. 83-94, jan./abr. 2011.

AURELIANO, Francisca Edilma Braga Soares. O Programa Pró-letramento e a formação de alfabetizadores: repercussões nas concepções e práticas de professores cursistas. 2012. 179 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.

BALL, Stephen; MAINARDES, Jefferson. Introdução. In: ______ (Org.). Políticas educacionais: questões e dilemas. São Paulo: Cortez, 2011. p. 11-18.

BRASIL. Presidência da República. Decreto n. 5.626, de 22 de dezembro de 2005. Regulamenta a Lei n. 10.436, de 24 de abril de 2002, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais – Libras, e o art. 18 da Lei n. 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Brasília, DF, 2005.

______. Ministério da Educação. Plano de Desenvolvimento da Educação. Brasília, DF, 2007.

______. Ministério da Educação. Marcos político-legais da educação especial na perspectiva da educação inclusiva. Brasília, DF, 2010.

especial: a alfabetização de crianças com deficiência: uma proposta inclusiva. Brasília, DF, 2012a.

______. Ministério da Educação. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa – currículo na alfabetização: concepções e princípios: ano 1: unidade 1. Brasília, DF, 2012b.

______. Ministério da Educação. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: formação de professores no pacto nacional pela alfabetização na idade certa. Brasília, DF, 2012c.

______. Ministério da Educação. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: formação do professor alfabetizador: caderno de apresentação. Brasília, DF, 2012d.

______. Ministério da Educação. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: educação inclusiva: alfabetização matemática. Brasília, DF, 2014a.

______. Presidência da República. Lei n. 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação – PNE e dá outras providências. Brasília, DF, 2014b.

______. Ministério da Educação. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília, DF, 2008. Disponível em:

docman&view=download&alias=16690-politica-nacional-de-educacao-especial-na-perspectiva--da-educacao-inclusiva-05122014&Itemid=30192>. Acesso em: 29 out. 2015.

CAVALCANTE, Tícia Cassiany Ferro. A pessoa com deficiência motora frente ao processo de alfabetização. In: BRASIL. Ministério da Educação. Caderno de Educação Especial: a alfabetização de crianças com deficiência:uma proposta inclusiva. Brasília: MEC/SEB, 2012. p. 10-14.

DECLARAÇÃO DE SALAMANCA. Sobre princípios, políticas e práti-cas na área das necessidades educativas especiais. Brasília, DF: MEC, 1994. Disponível em: .

Acesso em: 29 out. 2015.

LUCACHINSKI, Elci Schroeder. Pacto nacional pela alfabetização na idade certa: a formação de professores para a prática alfabetizadora com alunos com deficiência. 2015. 144 f. Dissertação (Mestrado em Educação) –Universidade Comunitária da Região de Chapecó, Chapecó, SC, 2015.

LÜDKE, Menga; ANDRÉ, Marli Eliza Dalmazo Afonso de. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 11. ed. São Paulo: Hucitec, 2008.

MOREIRA, Antonio Flávio Barbosa; CANDAU, Vera Maria. Princípios para a construção de currículos multiculturalmente orientados. In: BEAUCHAMP, Jeanete; PAGEL, Sandra Denise; NASCIMENTO, Aricélia Ribeiro do (Org.). Indagações sobre currículo: currículo, conhecimento e cultura. Brasília, DF: MEC/SEB, 2007. p. 17-48.

MOURÃO, Carlos Antonio Fontenele; SOUZA, Vilma Pastos de Andrade. A alfabetização da pessoa surda: desafios e possibilidades. In: BRASIL. Secretaria de Educação Básica. Ministério da Educação. Diretoria de Apoio à Gestão Educacional. Caderno de Educação Especial: a alfabetização de crianças com deficiência: uma proposta

inclusiva. Brasília, DF: MEC/SEB, 2012. p. 28-32.

SEAL, Ana Gabriela de Souza. Estratégias de ensino na alfabetiza-ção da pessoa cega e com baixa visão. In: BRASIL.Ministério da Educação. Caderno de Educação Especial: a alfabetização de crianças com deficiência: uma proposta inclusiva. Brasília, DF: MEC/SEB, 2012. p. 21-27.

SOARES, Magda. Alfabetização e letramento. São Paulo: Cortez, 2003.

SOUSA, Kilma Wayne Silva de; MEIRA, Vanderléia Lucena. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC). Pet Pedagogia, Goiânia, 15 abr. 2013. Disponível em:

pela-alfabetizacao-na.html>. Acesso em: 29 out. 2015.

VERONEZI, Rafaela Júlia Batista; DAMASCENO, Benito Pereira; FERNANDES, Yvens Barbosa. Funções psicológicas superiores: origem social e natureza mediada. Revista de Ciências Médicas, Campinas, v. 14, n. 6, p.537-541, nov./dez. 2005.

VYGOTSKY, Lev Semenovich. Fundamentos de defectología. 2. ed. Havana: Editorial Pueblo y Educación, 1995. (Obras Completas, tomo 5).

______. A construção do pensamento e da linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2009.




DOI: http://dx.doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2016.v25.n45.p%25p

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN: 2358-0194

 Classificação Qualis CAPES:

 Educação - A2

  Indexadores:

       

      

   

      

 

  Localização dos Acessos:


 

  Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0