Educação Especial e Inclusiva: Direitos, Teorias, Práticas, Promoção e Ensino

Silvia Lúcia Lopes Benevides

Resumo


O presente dossiê se apresenta no intuito primaz de apresentar as pesquisas da Especialização lato sensu para Formação de Professores em Letras/Libras, especialização essa que gerou grandes frutos, métodos e práticas que inovam a partir da Educação Especial e Inclusiva na pespectiva do Surdo. O dossiê acolhe textos dos diversos campus da Universidade do Estado da Bahia, universidade essa que está presente em 24 cidades baianas que busca ser uma Universidade Pública, Gratuita e de Qualidade.

Palavras-chave


Direitos; Teorias; Práticas; Promoção; Ensino

Texto completo:

PDF

Referências


ANUÁRIO BRASILEIRO DA EDUCAÇÃO BÁSICA. São Paulo: Moderna/ Todos pela Educação, 2019.

BRASIL. Lei nº 10.436, de 24/04/2002.

FERNANDES, Sueli; MOREIRA, Laura Ceretta. Políticas de educação bilíngue para surdos: o contexto brasileiro. Educar em Revista, Curitiba, Brasil, Edição Especial n. 2/2014, p. 51-69. Editora UFPR.

SÁ, Nídia Regina Limeira. Cultura, poder e educação de surdos. Manaus: Editora da Universidade Federal do Amazonas, 2002.

UNESCO. Declaração de Salamanca. Conferência Mundial sobre Necessidades Educativas Especiais: acesso e qualidade. Salamanca, Espanha, 1994.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista Encantar - Educação, Cultura e Sociedade

____________________________________________________________

Revista Encantar: Educação, Cultura e Sociedade

Pré-avaliação Qualis 2019: B2

Departamento de Ciências Humanas e Tecnologias – DCHT Campus XVII
Universidade do Estado da Bahia - UNEB
revistaencatar@gmail.com.br

 

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional