A GEOGRAFIA DO PÃO: UMA METODOLOGIA INTERDISCIPLINAR ENTRE A ARTE E A GEOGRAFIA

ELIDETE OLIVEIRA DA SILVA BARROS, JUCY EUDETE LÔBO

Resumo


O uso da temática alimentação como estratégia didática e metodológica de forma interdisciplinar, interconexão entre as disciplinas Geografia e Arte, tem como objetivo principal facilitar o conhecimento específico de cada uma das disciplinas e, para tanto, utiliza a imagem como elo importante para uma aprendizagem mais significativa, pois ao comunicar ideias, simbologias e realizar leituras interpretativas, a mesma pode influenciar na organização e representação de uma determinada cultura, contribuindo para a leitura crítica de mundos, instigando o senso de observação e percepção. Essa proposta será voltada para os estudantes da Educação Básica, da 1ª, 2ª e 3ª séries do Ensino Médio. A metodologia utilizada será desenvolvida da seguinte forma: apresentação da proposta; discussão sobre os conhecimentos das disciplinas envolvidas, com foco no estudo da agricultura e da art food; identificação dos diferentes tipos de pães produzidos no espaço global; produção e demonstração de trabalhos práticos individuais e/ou coletivos; relatos e registros documentais da experiência vivenciada e confecção do pão escultura. O alimento é um tema importante na abordagem do estudo da Geografia no que refere às questões da produção agrícola; por outro lado, a atividade artística poderá transmitir, de maneira lúdica e instigante, os conceitos propostos, principalmente, porque existe uma relação entre o mundo virtual e a agricultura. A exemplo disso, temos alguns termos utilizados na comunicação eletrônica usados como metáforas, oriundos de práticas agrícolas e alimentar, o que permite a interconexão entre a arte e a geografia. A atividade proposta apresenta uma abordagem reflexiva e investigativa, onde se valoriza as experiências, a complexidade e o aprofundamento do ensino das disciplinas envolvidas. Isso possibilitará o desenvolvimento do processo cognitivo e produtivo do aluno, uma vez que, usada de maneira recorrente nas aulas, a imagem sendo uma representação efêmera e aberta, pela sua complexidade, requer parcerias com outras áreas de conhecimentos que permitam uma percepção analítica e compreensão do que se deseja observar. Assim, busca-se com esta prática, dar significado aos conhecimentos adquiridos, tendo como referência as vivências pedagógicas e a importância da arte milenar da produção do alimento e da agricultura, utilizando a art food como aliada, possibilitando a transmissão de conceitos que precisam ser discutidos na busca de se construir um olhar crítico, não só em relação a arte de uma maneira mais aguçada e provocadora, mas, também, diante do mundo ao qual pertence. A metodologia aqui delineada propõe se constituir em objeto de estudo, e numa ferramenta de intervenção na busca de melhores práxis pedagógica.

Palavras-chave


Alimentação; Agricultura; Art Food

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 ELIDETE OLIVEIRA DA SILVA BARROS, JUCY EUDETE LÔBO


 

Universidade do Estado da Bahia – UNEB – Campus I
Rua Silveira Martins, 2555, Cabula – Salvador-BA
CEP 41.150-000
Prédio da Pós-Graduação em Educação – GEOTEC

 
ISSN: 2674-7227

PERIODICIDADE: Bienal

INDEXADORES E DIRETÓRIOS: 


Todo o conteúdo publicado nestes Anais está licenciado com uma Licença Creative Commons - Attribution-ShareAlike 4.0 International.