PRESERVAR E PRODUZIR: AS CONTRIBUIÇÕES DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A GESTÃO DO PROJETO DE ASSENTAMENTO AGROEXTRATIVISTA SÃO FRANCISCO

Luis Geraldo Leão Guimarães

Resumo


O objetivo desse artigo é refletir sobre a relação entre a Educação Ambiental e a Gestão no Projeto de Assentamento Agroextrativista São Francisco, enfocando as possibilidades de construção de uma gestão para a sustentabilidade através das contribuições de uma educação ambiental transformadora. Partimos da contextualização do projeto, da sua história, de seus moradores, incluindo também o Movimento CETA que coordena/assessora o assentamento, do dilema entre produzir e preservar enfrentado no dia a dia pelos assentados/as, para, em seguida discutir sobre Educação Ambiental e sobre Gestão buscando compreender as possibilidades de contribuição para o processo de autogestão do projeto.

Palavras-chave


Educação Ambiental. Assebtamento Agroextrativista. Gestão

Apontamentos

  • Não há apontamentos.